Porto Seguro: mendigos, moradores de rua e drogaditos invadem boxes da prefeitura

Foto ilustrativa
Após retirada da Feirinha do centro da cidade, moradores de rua, mendigos e drogaditos invadiram, literalmente, os três boxes da prefeitura, obra inacabada, localizada na rua da Vala, em frente a Sede do Conselho Tutelar I.

Já é de conhecimento da prefeitura a situação crítica em que se encontra o local. É desejo do Supermercado Rondelli, dos moradores das casas e dos Conselheiros Tutelares que enquanto não se termine a obra que seja feito um muro para impedir as invasões.

Presenciamos cenas de sexo explicito durante o dia, lavadores de carro que ficam pressionando os moradores para darem água para eles lavarem os carros e fazerem comida, pedintes e drogas.

Várias vezes a polícia foi acionada para retirar os invasores, eles saem e depois retornam. Já houve dois assaltos na sede do Conselho Tutelar, sendo um deles com emprego de arma de fogo e desta prática levaram dois celulares.

Moradores reivindicam do gestor público que a construção de um muro no local dos boxes, enquanto não se define o término da obra, por uma questão de segurança pública e para que não haja uma nova Feirinha.

O Coordenador do Conselho Tutelar, José Carlos, está preocupado com a questão da segurança, pois várias vezes durante o dia os moradores dos boxes entram a todo momento na Sede do Conselho Tutelar I, pedindo água, esmola, pedindo para lavar os carros que estão na porta do Conselho e troca de dinheiro. O Conselho não conta com guarda municipal e o órgão está correndo certo risco com a bomba relógio que se encontra na frente do órgão. Solicitamos ao prefeito que construa um muro para proteger a sociedade circunvizinha e que sejam aplicadas políticas públicas aos invasores.

José Carlos Dias dos Santos Filho

Consultor dos Direitos da Criança e do Adolescente

Conselheiro Tutelar – Coordenador

Conselho Tutelar I Porto Seguro Bahia

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui