Pelo segundo ano consecutivo, Itabela distribui peixes para comunidade carente na Semana Santa

Pelo segundo ano consecutivo, Itabela distribui peixes para comunidade carente na Semana Santa. Fotos: Clerison Oliveira

Milhares de itabelenses vão poder celebrar a Semana Santa com a mesa farta. Pelo segundo ano consecutivo, a Prefeitura de Itabela, por meio da Secretaria de Assistência Social, distribuiu peixes para a população carente do município. “Dentro da Assistência Social existe um programa chamado Cadastro Único, que mapeia as zonas de vulnerabilidade social dentro da cidade, e escolhemos as ruas com maior índice de pessoas nesse estado de vulnerabilidade para entregar o peixe. Nós também estendemos para Monte Pascoal e Montinho, com um olhar mais especial”, esclareceu a secretária de Assistência Social, Kamily Vieira.

Nesta quarta-feira (17), foram distribuídos 3 mil quilos de pescado. O prefeito Luciano Francisqueto e o vice-prefeito Gedalvo Matos fizeram questão de ir pessoalmente à casa dos moradores de diversos bairros entregar o alimento.

“Eu fico feliz, pois na Semana Santa têm muitas pessoas que não tem condição de comprar o peixe, então dar o peixe é uma forma de agradar. Eu entro nas casas e vejo a felicidade do povo, olhando no olho, sabendo que o peixe vai proporcionar uma mesa farta. Itabela a cada ano evolui no assistencialismo voltado para os mais necessitados”, destacou o gestor.

O vice-prefeito destacou que tem um “sentimento de alegria porque a gente ver no sorriso do pessoal, cada um com seu peixe, sabendo que vai ter uma semana santa farta”.

Todos agradeceram ao prefeito pelo gesto generoso de distribuir o símbolo da época religiosa. “É muita sorte, porque o prefeito está trabalhando e está nos ajudando. A Semana Santa será farta e nós vamos comer com nossa família”, disse o trabalhador rural Edmar Pena Alves.

E a população já idealizou como será a preparação do peixe para a sexta-feira santa. “Eu vou fazer uma moqueca”, disse Jocimeire Alves dos Santos. Já a artesã Maína Gonçalves destacou que iria “reunir a família e fazer o peixe cozido, assado, frito, de todo jeito”.

E não foi só na sede de Itabela que o peixe foi distribuído, os moradores de Monte Pascoal e Montinho também foram contemplados. “É uma coisa boa, pois nem sempre a gente tem condição de comprar, aí já é uma força”, frisou a moradora de Montinho, Claudineia Borges.

E para 2020 já está garantida a continuidade da distribuição de peixe para a população itabelense. “Ano que vem já está confirmada de novo a entrega do peixe, que não fica só nos anos políticos, a gente está dando continuidade a esse trabalho, um trabalho que estava há muitos anos parado”, garantiu o prefeito.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui