Apreendidos mais de 300 quilos de carne clandestina em Itamaraju

Foto: Teixeira News
A Vigilância Sanitária de Itamaraju apertou o cerco contra a venda de leite in natura e abate clandestino de bovinos.

No início da noite do dia 17/09, mais de 300 quilos de carne clandestina foram apreendidos durante operação de fiscalização. A ação foi deflagrada após solicitação do Ministério Público, tomando como base as denúncias dessas práticas que caracterizam em crime contra a saúde pública. A carne apreendida pela Vigilância Sanitária de Itamaraju, e que será incinerada, pertenceria a um açougue, situado na Avenida Joaquim Oscar Pereira, bairro Várzea Alegre, região sul da cidade.

A operação foi resultado de solicitação do Ministério Público
Uma equipe da Vigilância Sanitária, composta pelo médico veterinário Cleverland Henriques Calhau, além dos fiscais Queóps Pinto Pitanga e Alberico Pacheco Dias, tomando como base a Lei Municipal 529/99 e Portaria 304 do Governo Federal, realizou a apreensão da carne e identificou o destino da mesma, que iria ser vendida no Açougue do Bigode, de propriedade de Valdeci Alves Batista, que estava em um veiculo Fiat/Estrada, cor preta, transportando o animal abatido.

Após lavrado o auto de apreensão, a carne foi levada para a Delegacia da Polícia Civil, onde foi formalizado um Boletim de Ocorrência. O comerciante Valdeci Alves Batista, proprietário do Açougue do Bigode, deveria se apresentar também na Polícia Civil, mas segundo os fiscais da Vigilância Sanitária, evadiu-se do local sem deixar pistas. Ele deve se apresentar nos próximos para prestar esclarecimento.

Fonte: Ronildo Brito e Lênio Cidreira/Teixeira News

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui