Vereadores comentam início dos trabalhos na Câmara teixeirense

A primeira sessão oficial foi marcada por entrega de títulos de Cidadão Honorário. Nesta, seguiu-se os trâmites comuns. Fotos Lenio Cidreira/OSollo

A Câmara Municipal de Teixeira de Freitas sob a presidência do vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PR) reabriu, de fato, seus trabalhos legislativos na manhã desta quarta-feira (21/02), realizando a segunda sessão ordinária do ano com várias matérias que passaram a tramitar nas comissões.

Alguns alunos da rede municipal estiveram presentes

O jornalismo do d’Sollo esteve na sessão ordinária da Câmara Municipal e conversou com o presidente da Casa, o vereador Agnaldo da Saúde, e, ainda, com os edis Marcos Gusmão Pontes Belitardo, Ronaldo Alves Cordeiro e o professor Valci Vieira dos Santos.

Presidente da Casa, vereador Agnaldo da Saúde. Foto Ascom Câmara

O presidente da Câmara, Agnaldo da Saúde, disse que, agora, oficialmente os trabalhos começaram, “temos que seguir nossos caminhos. 2017 foi um ano muito bom para os trabalhos legislativos, onde recebemos a preliminar dos tribunais do TCM de Itamaraju e Eunápolis, as contas foram aprovadas, sem ressalvas, agora só estamos esperando um parecer de Salvador para acabar de formalizar isso, vai ser uma grande vitória, passar o ano com tanta turbulência nesse país, com tanto desvio de dinheiro, com tanta desmoralização, e temos uma conta aprovada 100%, sem ressalva, valeu a pena ser um bom parlamentar, um bom administrador”, disse.

Vereador Valci. Foto Ascom Câmara

O professor Valci Vieira dos Santos também comentou que agora os trabalhos do ano de 2018 são retomados, “com muito compromisso, em nossas reuniões internas temos pautado a importância da discussão, o levantamento da problemática do município e todos os 19 vereadores capitaneados pelo presidente da Câmara têm se preocupado com a situação do município no sentido de avaliar diversas políticas públicas, para que, realmente, o trabalho seja efetivado e o desenvolvimento aconteça no nosso município, porque é o que todos nós queremos: um município com desenvolvimento, com progresso, com políticas voltadas para o cidadão, certamente estaremos no caminho certo, e esse é o nosso desejo”, pontuou o professor Valci.

Vereador Belitardo. Foto Ascom Câmara

O edil Marcos Gusmão Pontes Belitardo comentou que “cada membro dessa Casa, cada cidadão, cada membro do governo, deve passar a ter melhores sonhos, principalmente saúde e educação. Na sessão de hoje, estou protocolando alguns requerimentos, diretamente à saúde, porque vejo o requerimento como uma fórmula de se apontar alguns equívocos, algumas irregularidades, e, assim, consertá-las. Faço, hoje, requerimento de oxigênio para as unidades hospitalares, da Unidade Pronto Atendimento (UPA), Unidade Municipal Materno-Infantil Teixeira de Freitas (UMMI) e o Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF), referente aos medicamentos, porque é notória a falta de inúmeros insumos, falta de medicamentos importantes para preservar a vida de nossos cidadãos, e acrescento também um requerimento que não é voltado só ora mim, mas, a todos os cidadãos, que é o transporte escolar, um transporte com mais trafegabilidade, os ônibus deverão estar aptos a levar nossos cidadãos, nossas crianças, e afirmo que eles não estão preparados pra isso, é uma discussão que estou colocando na casa, para toda a sociedade, para conseguirmos um ambiente melhor, um ambiente coletivo para todos nós”.

Edil Ronaldo Cordeiro. Foto Ascom Câmara

Já o vereador Ronaldo Alves Cordeiro, líder do governo, informou que “hoje o que temos de positivo e de expectativa são muitas obras para o município de Teixeira de Freitas, sobretudo na infraestrutura da cidade, muita coisa já foi planejada, inclusive, recursos no orçamento já aprovamos para esses investimentos. Nós temos uma preocupação muito grande, mas, o prefeito está buscando com todas as forças e os meios necessários, que é o Ministério da Saúde e a Secretaria de Saúde do estado, resolver a questão da saúde de Teixeira de Freitas, que é o maior gargalo da administração”.

Disse ainda que o reordenamento escolar foi planejado e já se pode observar os resultados, “onde as escolas poderão estar sendo restruturadas para o alunado ter uma qualidade de vida na educação, esse é o nosso desejo, e que o município comesse a andar com mais velocidade, com seus serviços, e sobretudo humanizar o serviço. Temos falado muito em humanização, os serviços públicos precisar ser cada vez mais humanizado, para melhor atender o cidadão”, comentou Ronaldo Cordeiro.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui