Universidades estaduais da Bahia param dia 30

Assunto foi discutido na Comissão de Educação e Serviços Públicos da AL-BA
Os professores das universidades estaduais baianas anunciaram nesta quarta-feira (23) que farão uma paralisação de advertência no próximo dia 30. Eles protestam contra as propostas de negociação salarial da categoria que incorpora gratificações, mas congela os vencimentos do magistério superior até 2015. Além disso, os docentes, com o apoio dos estudantes, querem anular os efeitos do decreto 12.583, publicado em fevereiro no Diário Oficial, que cortou despesas relacionadas à contratação e promoção de servidores, sobre a educação superior. O tema foi discutido em uma audiência realizada nesta quarta pela Comissão de Educação e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa da Bahia. O colegiado aprovou a proposta do deputado Bruno Reis (PRP) de enviar às Secretarias do Planejamento, da Fazenda e da Educação um documento com um pedido para que a educação superior seja poupada pelos cortes determinados no decreto. O governo federal, em decreto semelhante publicado em janeiro, deixou as instituições públicas de fora dos cortes.

Fonte: Bahia Notícias

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui