Tamanduá é encontrado vagando em Itamaraju

Tamanduá é encontrado vagando em Itamaraju. Foto: Domingos Oliveira

Em operação conjunta com o Grupo de Apoio ao Desenvolvimento Social (Gads), a Defesa Civil municipal devolveu nesta quinta-feira (14) à natureza um tamanduá-mirim adulto, resgatado pela Polícia Militar no centro de Itamaraju.  A soltura foi feita em uma Área de Proteção Permanente (APP) na divisa do município com Teixeira de Freitas.

Pesando aproximadamente cinco quilos, o tamanduá foi identificado como macho e submetido a exames pelo veterinário Rodrigo Gerde.  Segundo ele, o animal encontrava-se em perfeito estado de saúde,  não havendo a necessidade de sua transferência para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), do Ibama (Instruto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis), em Porto Seguro.

O mamífero,  conhecido também por outros nomes como tamanduá-mixila, foi encontrado na Avenida Antônio Carlos Magalhães, próximo ao Complexo Policial de Itamaraju. Acionada por populares,  uma guarnição da PM conduziu o tamanduá à sede da corporação,  onde ele recebeu os primeiros cuidados.

O  mixila é uma das quatro espécies de tamanduás existentes no Brasil, sendo encontrado em várias regiões do país, e se alimenta de insetos, geralmente formigas e cupins.  Segundo Vinicius Borges,  coordenador da Defesa Civil,  raramente essa espécie é encontrada vagando em áreas urbanas.

Por outro lado, animais como jacarés e bichos-preguiça são capturados na cidade,  de acordo com Rafael Almeida, militante do Gads. Há duas semanas, a ONG resgatou um filhote de jacaré circulando em via pública.

Por Domingos Oliveira

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui