Suzano: Associação Comunitária Golfinho completa 25 anos de atividades

Iniciativa, atualmente 100% mantida pela Suzano, realizou mais de 7,8 mil atendimentos em 2020 para 149 crianças e adolescentes de Mucuri

Associação Comunitária Golfinho completa 25 anos de atividades. Foto: Divulgação

A Golfinho, iniciativa social apoiada pela Suzano em Mucuri, comemora 25 anos de história no dia 14 de maio. Atualmente, cerca de 153 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social são atendidos pelo projeto, que oferece aulas de reforço escolar, informática, capoeira, percussão, artesanato, serviço de convivência e fortalecimento de vínculo, entre outras atividades. Mesmo diante das mudanças na dinâmica social promovidas pela Covid-19, o projeto continua realizando as suas ações de apoio às famílias da região.

Em 2020, antes do início da pandemia, o projeto ofereceu mais de 7,8 mil atendimentos, com o objetivo de desenvolver as habilidades e aumentar o acesso à cultura, esporte e educação, colaborando na formação da consciência sócio ambiental e cidadã. Mesmo após o mês de março, foram realizados no ano passado 4,5 mil atendimentos com videoaulas. O cuidado com as famílias que fazem parte da Golfinho foi intensificado, e o projeto expandiu sua atuação com as doações de mil litros de álcool 70%, 2 mil máscaras, 120 cestas básicas, além das quase 9 mil refeições, ofertadas diariamente, de segunda a sexta aos participantes.

 “A Golfinho é uma referência de cultura, lazer e aprendizado em nosso território e se reinventou para continuar levando apoio às famílias, principalmente neste momento delicado, em que muitos necessitam de acolhimento. As aulas prosseguiram em formato remoto, e as refeições, que os alunos faziam diariamente em nossa sede, passaram a ser entregues para garantir a alimentação das crianças e adolescentes”, destaca Ludimila P. Bernabé, presidente da associação.

 Fundada em 1996, a associação nasceu na comunidade pesqueira do município de Mucuri, com a intenção de oferecer atividades lúdico pedagógicas fora do período escolar para os filhos de pescadores. “A Suzano trabalha de forma colaborativa com as comunidades nas regiões em que atua, ampliando o acesso à educação e impulsionando a geração de renda. O projeto Golfinho está alinhado com esse propósito e proporciona novas oportunidades para os alunos com o objetivo de impactar o futuro não só deles, mas das famílias e de toda a comunidade. A Companhia acredita que só é bom para nós se for bom para o mundo e a iniciativa caminha junto com esse direcionador da empresa”, afirma Douglas Peixoto, coordenador de Desenvolvimento Social da Suzano.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui