Suzano assina acordo de Empoderamento das Mulheres da ONU 

Vista aérea da unidade Mucuri da Suzano Papel e Celulose. Foto: Divulgação

Companhia formaliza apoio aos sete princípios estabelecidos pela ONU Mulheres e pelo Pacto Global 

Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, formalizou na manhã desta sexta-feira, 14, por meio de cerimônia virtual, a adesão aos Princípios de Empoderamento das Mulheres, iniciativa promovida pela ONU Mulheres, entidade de promoção da equidade de gênero nos negócios, e pelo Pacto Global, iniciativa de cidadania corporativa vinculada à Organização das Nações Unidas (ONU).

Ao assinar os princípios, a Suzano assume publicamente o compromisso com programas e ações voltados ao fomento da igualdade de gênero no ambiente de trabalho e nas comunidades onde atua. A companhia já havia aderido aos princípios em 2019.

A companhia integra o movimento global composto por mais de 3 mil companhias ao redor do mundo para a troca de experiências a respeito das melhores práticas para a igualdade entre os gêneros no ambiente de negócios. São sete os princípios que norteiam o acordo e, entre eles, está o incentivo à educação e a formação e desenvolvimento profissional de mulheres para que, assim, elas possam desenvolver suas potencialidades. A Suzano acredita que empoderar meninas e mulheres com conhecimento é a primeira etapa na construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

A garantia de oportunidades iguais para mulheres já é uma responsabilidade assumida pela companhia a partir do estabelecimento de suas metas de longo prazo, divulgadas no início deste ano. A companhia almeja contar, até 2025, com 30% dos cargos de liderança ocupados por mulheres e 30% por negros. Além disso, a empresa é participante do programa Equidade É Prioridade, no qual se compromete com a meta de 30% de mulheres em cargos de liderança sênior nos próximos cinco anos.

O compromisso de Empoderamento das Mulheres da ONU foi reforçado pelo presidente da companhia, Walter Schalka, em cerimônia de formalização durante o evento “Suzano e Você”, uma transmissão online realizada trimestralmente e voltada a todos os colaboradores da empresa. “É nosso dever enquanto corporação fomentar a importância da igualdade para a construção de uma sociedade sustentável e justa. Cada passo que damos nesta direção contribui para seguirmos avançando na busca das melhores práticas a favor da inclusão e da igualdade. Estamos seguindo nesse caminho de transformação e a assinatura dos Princípios de Empoderamento vem ao encontro às nossas premissas dentro da Suzano”, enfatiza Schalka.

Para conhecer mais sobre os Princípios de Empoderamento da Mulheres, acesse:

Sobre a Suzano 

A Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui