Sem UTI para ser transferido, homem de 64 anos morre com covid-19 em Itabela

Hospital de campanha é inaugurado em Teixeira de Freitas. Foto: Arquivo/Ascom

Na noite deste domingo (21), a Secretaria Municipal de Saúde de Itabela emitiu uma nota de esclarecimento acerca de um óbito ocorrido em consequência da covid-19 no Hospital e Maternidade Frei Ricardo.

A nota informa que se trata de um homem de 64 anos (idoso), portador de cardiopatia, que se queixava de desconforto respiratório, tosse produtiva, febre e dispineia.

Ele era morador do assentamento Frutos da Terra, que faz parte do município de Porto Seguro, tendo dado entrada na unidade hospitalar de Itabela no dia 17 de junho.

Ainda conforme o texto divulgado, inicialmente, o paciente testou negativo para coronavírus. No dia seguinte, passou por outros exames e continuou com os sintomas.

No dia 20, sábado, o paciente teve uma piora no quadro, sendo referenciado pela Regulação Estadual para o Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, quando fez novo teste rápido, desta vez, atestando positivo para covid-19.

A Secretaria de Saúde relata que tentou transferir o paciente para uma UTI Covid-19, mas teve vaga negada em Porto Seguro (que seria a unidade de referência imediata para Itabela).

A nota ainda cita que não obteve resposta de Teixeira de Freitas e não teve liberação de vaga em UTI “para qualquer outra Unidade no Estado” através da Central de Regulação do Estado.

No domingo (21), o idoso acabou falecendo, sendo registrado como o 5º óbito no boletim epidemiológico de Porto Seguro.

Mais informações

O Redação do jornal OSollo entrou em contato com as assessorias de comunicação do Estado e do Município de Teixeira de Freitas para tentar entender o caso.

Obtivemos a resposta do Estado que o hospital de campanha “foi montado e equipado com o apoio do governo e da iniciativa privada, mas a responsabilidade pelo funcionamento é da prefeitura”. Teriam sido entregues a Teixeira de Freitas os 20 leitos completos de UTI (com respiradores e demais equipamentos).

A Assessoria do Município encaminhou para a Secretaria de Saúde a demanda solicitada por nossa Redação, mas, até o fechamento desta publicação, não havíamos obtido retorno.

Ocupação de leitos exclusivos para covid-19

Conforme atualização publicada às 15h20 deste domingo (21), Porto Seguro registrava 80% de ocupação em UTI e 26% em leitos clínicos.

Teixeira de Freitas informou que, até as 17 horas do mesmo dia, eram 19 pacientes internados na rede pública, entre leitos de UTI e enfermaria.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui