Secretaria de Saúde Itabuna intensifica ações de prevenção às DST

alt

Visando reduzir o surgimento de novos casos de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), a exemplo de HIV/AIDS e Hepatites Virais, principalmente entre os jovens, a Secretaria Municipal de Saúde vem intensificando as ações de prevenção junto à comunidade. No ano passado, em Itabuna, foram identificados 150 novos casos de HIV e, até o mês de abril deste ano, já chega 70 o número de casos envolvendo jovens entre 19 a 30 anos.

Diariamente no Centro de Referência em Prevenção, Assistência e Tratamento (Cerpat), situado na Avenida Amélia Amado, 910, centro, é realizado o teste rápido para detectar pessoas com HIV, Sífilis e Hepatite. Esses exames foram estendidos a 12 Unidades Básicas de Saúde do município. As ações também estão sendo levadas para outros espaços como escolas, empresas, feiras e mutirões de saúde, quando solicitados pela comunidade.

Os testes rápidos oportunizam as pessoas ter conhecimento da sua sorologia e, a depender do diagnostico, iniciar o tratamento o quanto antes por meio de medicamentos antirretrovirais, conforme explicou a coordenadora do CERPAT, Suse Mayre Martins Moreira. Segundo ela o exame e o tratamento das vítimas de HIV/AIDS são gratuitos e integram os serviços de alta e média complexidade mantidos pela Secretaria Municipal de Saúde.

“Esse tipo de ação preventiva e de diagnóstico vem trazendo ao município um resultado bastante positivo, pois, a testagem, além de detectar casos, permite o acesso ao tratamento precoce, evitando inclusive a disseminação dessas doenças” sublinha Suse Mayre.

As atividades de prevenção às DST fora do Centro de Referência e das Unidades de Saúde pelas equipes técnicas da Saúde (médicos, coordenadores, enfermeiros, técnicos de enfermagem e agentes comunitários) com a participação de ONGs e instituições públicas e particulares vem sendo estimuladas pelo secretário municipal de Saúde, Paulo Bicalho.

Ele diz que esse tipo de ação não só aproxima o poder público da comunidade como facilita o acesso das famílias a programas e serviços disponibilizados na rede pública, seja na medicina preventiva, no diagnóstico ou no tratamento de doenças sexualmente transmissíveis. “Mas, o mais importante das atividades é a busca da promoção à saúde, o que garante qualidade de vida do cidadão onde quer que esteja”.

Prefeitura de Itabuna

Secretaria Municipal de Comunicação

Texto: Rosi Barreto

Fotos: Arquivo

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui