Rui Costa diz que aulas devem voltar antes da maioria da população ser vacinada

Rui Costa diz que aulas devem voltar antes da maioria ser vacinada. Foto: Paula Fróes/GOVBA

O governador Rui Costa anunciou nas redes sociais que as atividades escolares serão retomadas antes da maioria da população ser vacinada, já que, segundo ele, na melhor das hipóteses, a margem só será alcançada no segundo semestre deste ano.

Apesar disso, Rui disse que ainda não é possível estabelecer uma data, enquanto a ocupação dos leitos da covid-19 mantiverem altas. Ele afirmou ter feito uma solicitação à Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) que possa definir parâmetros que permitam definir quando anunciar o início das aulas.

“Vamos voltar às aulas, sim. A retomada das atividades escolares acontecerá antes da maioria da população ser vacinada, mas não podemos ser irresponsáveis em estabelecer uma data enquanto a ocupação de leitos e o número de mortes se mantiver nos níveis atuais”. disse Rui Costa.

Ainda, para o governador do Estado, “não podemos admitir outro ano sem aula. Seria um desastre. É sepultar o sonho dos jovens seguirem na vida. Vários estados tentaram fazer aula virtual, mas o alcance disso é irrisório. O ambiente não tem condições”. Mediante Para o governador, há uma “necessidade urgente do reinício”.

Prioridade será vacinar trabalhadores da educação

O governador Rui Costa disse que com a chegada de novas doses de vacina contra a Covid-19, a prioridade será a vacinação dos professores e dos trabalhadores da educação.

“Pessoas que trabalham nas escolas, até pessoas mais idosas. Tem merendeiras e cozinheiras. Essas pessoas tem que ter prioridade e para que a gente possa dar mais segurança no retorno das aulas”, disse Rui.

Como projeto para melhorar o nível do ensino, o governador pretende enviar para a Assembleia Legislativa da Bahia um projeto para instituição de monitores nas escolas. Segundo Rui, o projeto já acontece nas escolas.

“Criamos um programa de monitor. Jovens ajudavam a dar aulas nas escolas que estudavam. Vou mandar para AL-BA, para colocar dois monitores por turma. São 52 mil monitores no estado. Eles vão ajudar os colegas a ajudar o desempenho escolar. São alunos que tiraram acima de 8 em matemática e português. Vamos elevar esse número. Mantivemos durante a pandemia o pagamento e vamos ampliar”, comentou.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui