Representantes da Prefeitura de Itabela prestigiam abertura da Festa do Café no Rotary Club 

Representantes da Prefeitura de Itabela prestigiam abertura da Festa do Café no Rotary Club . Fotos Ascom

O prefeito de Itabela, Luciano Francisqueto (PRB), prestigiou a abertura oficial da 12ª edição da Festa do Café, em Itabela, na noite de sexta-feira (24). O evento, que aconteceu no Rotary Club, reuniu diversas autoridades como o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Itabela, Gilberto Borlini, presidente da Confederação Nacional da Agricultura, João Martins, presidente da Faeb, Humberto Miranda, presidente do Senar, Daniel Carrara, secretários municipais, produtores rurais, imprensa e comunidade.

Durante a abertura foi anunciada a programação do evento, que conta com Feira de Agronegócios, Concurso de Qualidade do Café, Sorteiro Solidário, além de outras atividades. Realização da Prefeitura de Itabela, os shows musicais, que acontecem nas noites de sábado (25) e domingo (26), reúnem atrações como Edu & Maraial, Delícia da Moçada, Niltinho Axé Pop, entre outras.

Francisqueto destacou o sentimento de participar do evento. “É grande a satisfação de participar da 12ª edição da festa, eu que tenho orgulho de ser filho de agricultor, sei das dificuldades desse município. Itabela passa por um momento feliz, principalmente pela riqueza desta terra, que é maior produtora de café conilon da Bahia. Quero deixar meus agradecimentos a Deus, minha família, dizer que estou à disposição do sindicato e vejo que Itabela está no caminho certo”, avaliou o prefeito.

Giberto Borlini falou sobre a parceria entre Prefeitura de Itabela e Sindicato dos Produtores Rurais. “Essa parceria tem o intuito de beneficiar o município, já que todos saem ganhando com a realização da Festa do Café”.

O presidente do Rotary Club, Jinivaldo Miranda, que também é secretário de Obras, falou sobre os benefícios que o evento proporciona à entidade e, consequentemente, para a população.”Ano passado, conseguimos comprar 30 cadeiras de roda. Neste ano, temos o objetivo de construir uma casa para uma pessoas que teve a residencia incendiada. Tenho sentimento de orgulho com vocês aqui conosco, fazer parte da Festa do Café é muito prazeroso”.

Humberto Miranda apontou as principais características que fazem de Itabela um polo na produção de café conilon. “O clima, essa rodovia que passa por aqui, são fatores que influenciam muito no sucesso do município como produtor e comercializador do grão”.

O presidente da Confederação Nacional da Agricultura salientou o desenvolvimento do evento ao longo dos anos. “Tive a oportunidade de estar presente na primeira Festa do Café e há três anos eu vinha prometendo uma visita. Quando eu cheguei hoje, vi o progresso”.

O secretário de Agricultura, Edgard Goularte, explanou sobre o patamar que Itabela alcança frente ao estado baiano. “Se Itabela está como principal produtora de café da Bahia, a Festa do Café tem muito a ver com isso, que em média comercializa mais de R$ 5 milhões e colocou Itabela no cenário de palestras e pesquisas, que fez com que a produtividade aumentasse muito”.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui