Regata do Mutá acontecerá no dia 27/11

Foto: divulgação
Barcos a vela de todas as categorias vão colorir o mar numa costa “agraciada por Deus”, como a definiu o comodoro do Yacht Club de Porto Seguro, Ciro de Albuquerque Leite. A Regata do Mutá será realizada no dia 27 de novembro, das 10 às 17 horas, com saída no Yacht Club/Nativa de Porto Seguro na Ponta Grande. O evento esportivo é parte integrante da programação do lançamento do Mutá como “Destino Mutá- Distinto por Natureza”, pela Bahiatursa, com a presença de autoridades e jornalistas. Uma conformação geográfica favorável, e pontos de apoio de qualidade, fazem do Mutá o local ideal para esportes náuticos, praticados a qualquer idade.

Uma enseada protegida, sem ondas fortes, mas com o vento suficiente para praticar esportes náuticos em toda segurança. Esta é a baía do Mutá, onde funcionam, além do Yacht Club/Nativa Clube de Praia, a Escola de Vela Oceano (http://escolaoceano.vilabol.uol.com.br/ ), da velejadora oceânica Maria Heloisa Sampaio, com sede ao lado da cabana Recanto do Sossego e a Flotilha do Mutá ( http://flotilhamuta.blogspot.com/) coordenada pelo veterano dos esportes náuticos e especialista da categoria laser Marcos Oliveira, na Cabana do Goiano. “Convidamos todo mundo a participar, a Flotilha, a escola, o pessoal do Kit de Ajuda”, explicou Ciro Leite, “por isso escolhemos a classe aberta”.

Podem participar, então, Hobie Cat, Laser, Optimist. As boias que demarcarão o triangulo do percurso da regata serão assim localizadas: uma em frente ao Yacht Club/Nativa Clube de Praia, uma em direção do Barramares e uma aproximadamente num ponto a uma milha mar adentro. “Outros detalhes só poderão ser definidos analisando o vento do dia, para permitir uma duração de aproximadamente uma hora”, acrescentou Ciro Leite, “para nós é uma demonstração que nossa costa foi bem agraciada por Deus, com a ausência de ondas fortes, o que torna a enseada reservada do Mutá o melhor local para crianças e adultos velejar à vontade”. “Nossa intenção é transformar a regata num evento anual fixo, sendo que a data do 27 de novembro poderá ser considerada o Dia do Mutá”, acrescentou Jean Pierre Salerno, coordenador técnico do Yacht Club.

A vocação náutica do Mutá não é somente pela conformação geográfica favorável do litoral. Mutá mas conta com vários pontos de apoio, onde almoçar (por sinal a gastronomia do Mutá é destaque em todos os guias de turismo) e deixar os familiares à vontade curtindo a praia, fazer cursos e, principalmente, contar com especialistas. O Yacht Club organiza reuniões regulares, e sugestivas festas mensais (toda noite de lua cheia!). Na escola Oceano é possível frequentar cursos e fazer os exames necessários para tirar a Carteira de Habilitação. A Flotilha conta com um coordenador com uma experiência de três décadas “nosso compromisso é exclusivo com a prática de vela, difundir e ampliar essa prática em nossa região será fundamental para o futuro do turismo na Costa do Descobrimento”, enfatizou, em seu interessante blog, Marcos Oliveira.

Fonte: Mídia Mutá

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui