Ratinho Jr. propõe o fim da aposentadoria de governadores

Governador Ratinho Junior na assinatura da PEC que foi enviada à Assembleia Legislativa. Foto: Rodrigo Felix Leal / ANPr

Atualmente, nove ex-governadores e três viúvas de ex-mandatários do Paraná recebem aposentadoria. Cada um deles ganha um subsídio mensal bruto de R$ 30.471,11.
O governador Carlos Massa Ratinho Junior vai encaminhar à Assembleia Legislativa uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que propõe o fim do pagamento de aposentadorias de governadores.

Ratinho Junior afirmou que a medida, que era um compromisso de campanha, se soma a outras ações do governo para diminuir o inchaço da máquina pública. “Este é um compromisso que assumimos com o Paraná e um exemplo que damos ao Brasil. A partir de agora, encaminhamos o projeto à Assembleia para que os deputados possam aprovar e acabar com mais essa injustiça feita com o dinheiro público e com o suor dos paranaenses”, declarou o governador.

“É uma mordomia que vem de décadas. Não só aquele que se elege governador, mas quem assumiu o cargo por dois ou três meses têm direito de se aposentar com o salário pelo resto da vida”, disse Ratinho Junior.

ECONOMIAS – Entre as medidas já anunciadas por Ratinho Junior estão a redução no número de secretarias, o congelamento do próprio salário e da equipe de governo, a devolução da aeronave usada para a atender o governador, que custava R$ 4,5 milhões ao ano.

O governador também determinou uma auditoria na folha de pagamentos de servidores ativos e inativos. Além disso, pediu ao secretariado a redução de 20% nos gastos de custeio, além da revisão de todos os contratos.

Informações: Ascom

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui