Que saudades!!!

COMPENSAÇÃO

Dói que a vida passa

E num relance

Já não somos nós

Os que vão e vêm

Da escola,

Da brincadeira de bola,

Com o pão na sacola,

Já não somos nós

Que trocamos os dentes

E sentamos ao piano

Para a primeira lição.

Que abrimos os presentes

No olhar, emoção.

Já não somos nós

Que acreditamos nas fadas

E aprendemos com a avó

O pai-nosso e a Ave-Maria.

E dormimos no tapete da sala

Enquanto os adultos falam

De coisas que não entendemos.

Já não somos nós.

Mas que importa

Se a vida passa,

Se lá na calçada

Nossos passos já não ressoam

E os nossos sonhos

Fadas não mais povoam?

Que nos importam

Os anos perdidos,

Os amores esquecidos,

Se tudo isso vamos

Aos poucos revivendo

Em cada amanhecer

De nossos filhos?

Pequeninos gigantes…

Pedaços de nós mesmos…

Orlando.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui