Porto Seguro/Eunápolis/Teixeira: Promotores das regionais aderem a projetos do PGA

Vinte promotores de Justiça das regionais de Porto Seguro, Eunápolis e Teixeira de Freitas puderam conhecer melhor e aderir a projetos do Plano Geral de Atuação 2012/2013 (PGA) apresentados nos dias 13 e 14, no ‘Encontro Regional de Gestão Estratégica’ em Porto Seguro. A apresentação dos projetos foi feita através da exibição de um vídeo institucional, que detalha os objetivos de cada um, e pelos promotores de Justiça Geder Gomes, que falou sobre os projetos ‘Comunidade Legal’ e ‘Segurança Integrada – Regionalização do Comitê Interinstitucional de Segurança Pública (Cisp)’; Isabel Cristina Santos, sobre o programa ‘Infância em Primeiro Lugar’; Ana Patrícia Melo, sobre o programa ‘O Ministério Público e os Objetivos do Milênio: Saúde e Educação de Qualidade para Todos’; e Karinny Guedes, que falou sobre o programa ‘Resíduos Sólidos’. O evento foi aberto nos dois dias pela procuradora-geral de Justiça Adjunta, Sara Mandra Rusciolelli Souza.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Segundo o coordenador de Gestão Estratégica, promotor de Justiça Marcelo Guedes, o principal objetivo do PGA é buscar a excelência institucional. Através da adesão aos projetos, explicou ele, será possível identificar melhor os resultados da atuação dos promotores de Justiça naquelas áreas específicas, monitorar esses resultados e também replicar as metodologias de sucesso. “A ideia não é trazer mais trabalho para os colegas. O que a instituição oferece é uma metodologia de trabalho para que as ações, que muitas vezes já são desenvolvidas, produzam mais resultados”, completou Geder Gomes. “Vocês sabem a realidade de vocês e a quantos projetos conseguiriam aderir. Façam a avaliação. O queremos é que a sua execução seja factível”, orientou Marcelo Guedes.

Além das apresentações do PGA, o coordenador do Centro de Apoio Operacional Criminal (Caocrim), promotor de Justiça Nivaldo Aquino, forneceu informações sobre a Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (Enasp), e o coordenador do Núcleo de Inteligência Criminal (NIC), promotor de Justiça Antônio Villas Boas, falou sobre a atuação do NIC e do Comitê Gestor de Segurança (CGS) e sobre o Sistema de Gestão e Acompanhamento da Carreira Ministerial e das Procuradorias e Promotorias de Justiça (Siga). O tema segurança institucional também foi abordado pelo Capitão Xavier, da Assistência Militar do MP.

 

 

Fonte: MP BA

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui