Porto Seguro: Grandes atrações contagiam o público

Já amanhecia o dia em Porto Seguro e a multidão não arredava o pé da Passarela do Descobrimento, nas primeiras horas da quarta-feira (18/02), ao som eletrizante de Léo Santana, que pouco antes fazia a alegria dos foliões em Salvador. “E quando me vê abre os braços, me dê um sorriso, sou eu negro lindo, sou eu”, cantou, quando seu trio elétrico avançou pela Passarela. E a multidão respondeu ao chamado, recebendo de braços abertos, o ex-vocalista da Banda Parangolé. “Depois de seis dias de festa, vocês é que me dão energia para vencer o cansaço”, devolveu.

Outra grande atração da quarta noite de Carnaval foi Neto LX, “o gordinho mais gostoso do Brasil”, como ele mesmo se define. Cantando grandes sucessos do chamado arrocha ostentação, ele comprovou a tese da prefeita Cláudia Oliveira sobre a importância de trazer para a cidade nomes de peso no cenário musical, para atrair um grande público de várias cidades do Brasil. E lá estava a multidão, num dos dias de maior lotação do circuito, apreciando o show e acompanhando o cantor, de boné, grandes colares dourados e aparência extravagante. “Pura luxúria. A mulherada gosta”, diz ele.

Destaque também para a banda local Virou Bahia, que brilhou, sob o comando do vocalista Gabriel Brito, mostrando o que Porto Seguro tem de melhor em termos de música. Enquanto a festa termina em todo o Brasil, na terra onde tudo começou, o Carnaval continua na Passarela até a sexta-feira (20/02), com atrações como Rei da Cacimbinha, Araketu e Trio da Huana.

Fique Sabendo

Enquanto os trios elétricos arrastavam multidões na Passarela, a concorrência era grande também no estande montado no circuito pela Prefeitura, onde está sendo desenvolvido o programa “Fique Sabendo”, com distribuição de preservativos e realização de testes rápidos de HIV e hepatite B e C. O serviço continua sendo oferecido durante todos os dias da festa e os resultados são entregues em apenas meia hora. O objetivo é distribuir um total de 150 mil preservativos e realizar 1.500 testes até o final do Carnaval.

Fonte: Ascom da prefeitura

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui