Plano Agricola e Pecuario – PAP fortalece agricultura do Estado da Bahia

Lançado quinta-feira (1), o Plano Agrícola e Pecuário da Bahia 2010/2011 (PAP) é mais um passo para o fortalecimento da agricultura do Estado.

Na avaliação de João Martins, presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Bahia (Faeb), “o PAP é um importante instrumento da agricultura baiana, que é forte e representa 24% do PIB do Estado”. Ainda de acordo com ele, “a Seagri, em 20 anos de atuação, nunca foi tão eficiente como nos últimos três anos”. “O importante passo foi ter instalado as Câmaras Setoriais”, finaliza.

 

O Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), por sua vez, considera o lançamento do PAP um feito importante para a Bahia. “A forma de o governo baiano gerir a agropecuária e o apoio dado à agricultura familiar fizeram com que o Ministério multiplicasse o apoio dado à Bahia”, enfatizou Humberto Oliveira, secretário nacional de Desenvolvimento Territorial do MDA, que representou o ministro Guilherme Cassel no evento.

Para Márcio Augusto Montela, gerente executivo da diretoria de Agronegócios do Banco do Brasil, em Brasília, o lançamento do PAP é uma importante iniciativa para o governo do Estado. “As ações de governo anunciadas tornaram o agronegócio baiano mais produtivo e competitivo”. Na opinião de João da Cruz, diretor da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura do Estado da Bahia (Fetag-Bahia), a agropecuária baiana tem vivido um momento de grande crescimento. “Essas medidas do governo devem gerar o desenvolvimento rural sustentável com políticas públicas estruturantes”, acredita.

Fonte: Josalto Alves/Rodrigo Vilas Bôas

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui