PF cumpre mandado de prisão e de busca e apreensão em operação contra fraudes e desvio de verbas na BA

PF cumpre mandado de prisão e 12 de busca e apreensão em operação contra fraudes e desvio de verbas no sudoeste da BA. Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta quinta-feira (11), um mandado de prisão preventiva e outros 12 de busca e apreensão, em uma operação contra fraudes em licitações e desvio de verbas públicas no sudoeste da Bahia.

Os crimes aconteceram na cidade de Palmas de Monte Alto. De acordo com a Polícia Federal, as investigações começaram em meados de 2019, quando surgiram informações sobre irregularidades nos processos de tomadas de preços feitos pela prefeitura do município.

De acordo com as informações, a prefeitura estava favorecendo essa empresa, nos processos de construção de Unidades Básicas de Saúde, quadras esportivas e uma praça. A PF analisou que essa empresa foi a única participante das licitações, e venceu contratos que totalizam R$ 3.153.924.

Ainda segundo a PF, esses mais de R$ 3 milhões foram pagos com recursos federais do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

O direcionamento das licitações era definido pelos gestores municipais e seus emissários. Além disso, os acordos das fraudes eram feitos com os próprios empresários beneficiados em reuniões antes dos resultados das licitações. A PF não detalhou nomes e cargos desses gestores municipais.

Fonte: G1 Bahia

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui