Parlamentar renuncia após divulgação de foto sem camisa

Republicano Christopher Lee teria enviado foto em resposta a anúncio. Em comunicado, ele pediu desculpas à família, à equipe e seus eleitores

A foto sem camisa do republicano Christopher Lee, divulgada pelo site Gawker.com (Foto: Reprodução)
O congressista republicano Christopher Lee renunciou ao cargo nesta quarta-feira (9) depois de terem sido divulgados e-mails e uma foto dele sem camisa supostamente enviados a uma mulher em resposta a um anúncio na seção de encontros do site “Craiglist”.

Casado, Lee havia acabado de ser eleito para o segundo mandato pelo estado de Nova York. Apenas horas depois de o escândalo ter sido revelado pelo site “Gawker.com”, ele divulgou um comunicado, que foi lido por um assessor na Câmara dos Representantes.

“Foi uma imensa honra ter servido ao povo de Nova York. Lamento pelo dano que minhas ações possam ter causado à minha família, minha equipe e meus eleitores. Peço desculpas sinceras e profundas a todos. Cometi erros graves e prometo trabalhar o quanto eu puder para obter o perdão de todos”, diz a mensagem.

“Os desafios que nós enfrentamos em Nova York e por todo o país são muito sérios para que eu permita que esse desvio continue, e por isso estou anunciando a renúncia à minha vaga no Congresso imediatamente.”

A polêmica surgiu quando o site divulgou que uma mulher do estado de Maryland tinha enviado e-mails supostamente escritos por Lee em resposta a um anúncio de encontro que ela tinha colocado no “Craigslist”.

Nos e-mails, o homem se apresentava como lobista divorciado e com uma idade mais jovem que a dele, que tem 46 anos.

Em seguida, o “Gawker.com” publicou uma foto do congressista sem camisa tirada por ele mesmo exibindo os músculos. Um dos e-mails atribuídos a Lee o descrevem como um “um cara em forma, elegante e divertido”.

O republicano e sua esposa, Michele, vivem em Amherst, no estado de Nova York e têm um filho.


Fonte: G1

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui