Ore sem medo

“Peçam, e lhes será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta lhes será aberta. Pois todo o que pede, recebe; o que busca, encontra; e àquele que bate, a porta será aberta.” (Mateus 7.7-8)

O Evangelho de Jesus é repleto de boas notícias para nós, pecadores. Por isso chama-se “evangelho”, ou seja, “boas notícias”. Por isso Jesus disse: “Eu vim para que vocês tenham vida e vida em abundância” (Jo 10.10). E disse tantas outras coisas que confirmam quão boas são as notícias que nos chegaram. O nascimento de Jesus foi anunciado como “evangelho”: “Não tenham medo. Estou lhes trazendo boas novas de grande alegria, que são para todo o povo: Hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador que é Cristo, o Senhor.” Foi o que disse o anjo aos pastores que estavam no campo próximo a Belém (Lc 2.10-11). E as boas notícias não pararam. Os fracos, pobres, humildes, os sedentos por justiça, os pacificadores, os publicamos, os estigmatizados como “pecadores”, todos foram surpreendidos: “eu vim para buscar e salvar vocês!”, disse Jesus (Lc 19.10).

Nos versos de hoje Jesus diz que somos bem-vindos como necessitados. Que nossos pedidos e anseios serão ouvidos e respondidos. Diante de Deus não devemos fazer contas para ver se merecemos. Não devemos nos aproximar temendo ser rejeitados. Essas também são boas notícias de Jesus para nós. São seu evangelho! Deus nos ama e de boa vontade ouve e atende nossas orações e súplicas. Claro que isso não significa que receberemos tudo que pedirmos. Porém, estejamos certos, jamais voltaremos de mãos vazias. Porque Deus nos ama! Ele não nos deixa falando sozinhos, não vira as costas. Há pessoas que nos ouvem e dizem: verei o que posso fazer. E na verdade nada fazem, pois não se sentem verdadeiramente interessados por nossas necessidades. Não sentem a nossa dor ou consideram nosso sofrimento. Deus não é assim. Ele se importa. Somos encorajados por Jesus a buscar, pedir e bater. Pois Deus está sempre pronto a nos ouvir.

Devemos crer no amor que Deus tem por nós. Jamais devemos duvidar de sua boa vontade para conosco. Jamais devemos nos intimidar, mesmo diante de nossos pecados e fraquezas. Deus nos ama. É certo que nossos pecados são um problema e devemos confessa-los e abandoná-los. A nossa rebeldia contra Deus, nossa dureza de coração, nos distanciam de Deus. O que devemos fazer é justamente o que Jesus disse: busque, bata, peça! Peça misericórdia, busque reconciliação, bata na porta da presença de Deus, sem medo. Não ouça sua consciência apenas. As vezes satanás se vale dela para nos acusar. Ouça o Espírito de Deus. Creia no Evangelho, nas boas notícias. A fé para orar, não é somente a fé de quem acredita que Deus tudo pode. É também, e sobretudo, a fé de quem acredita que é amado. Pois se duvidarmos de que somos amados, de que Deus nos ouve e de que não nos trata segundo o que merecemos, mas nos trata com graça, de que nos serve as certezas sobre Seu poder? É bom saber que Deus tudo pode e crer nisso. Mas a boa notícia mesmo, é que o Todo Poderoso nos ama. E porque nos ama, nos ouve.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui