Natal e ano novo, renovadas esperanças !

Prestes a encerrar-se 2012 e às veperas do Natal e do Ano Novo, esta coluna avalia a que se prestou ao longo de um ano quase findo, dentro dos anseios que tem pautado o jornal O Sollo, instituição formadora de opinião e meio de divulgação dos fatos no cotidiano local,regional e do País.

Praticamente, todas as materias expostas aqui tiveram como objetivo principal a Educação, ferramenta indispensável à engenharia da construção cidadã, a mais livre, consciente e capaz de promover a transformação qualificada do homem e de sua inserção indispensável ao meio em que vive, dela participando de forma a mais ativa com seus direitos e deveres.

Não apenas por uma questão de ética , mas, até por bom senso, não cabe ao autor a auto-avaliação dos seus trabalhos, ora pela impossibilidade de rejeitar a sí próprio ou de se dispor da necessária isenção para aferir ou julgar a si mesmo.

Àqueles que, indistintamente, tiveram acesso aos temas explorados cabe-lhes avaliar o que foi exposto, seja discordando em parte ou no todo , ou por vezes apoiando, razão porque registra-se o agradecimento.

De qualquer sorte há, ainda, outros temas a serem aqui apresentados a partir de 2013, uma vez O Sollo acolha-os , futuramente, com a mesma simpatia e o apreço com que tem brindado o autor nestes um ano e meio.

Por outro lado, já ouvindo-se os acordes natalinos e refletindo-se sobre as mensagens próprias da época que envolvem a natividade e o ano novo , que pensamentos pairam sobre todos, cidadãos que pertencem a esta grande aldeia global em que o mundo se transformou ?

Talvez, o espirito natalino esteja maculado pela órgia comercial, fria e consumista do “presente de natal”, como forma equivocada de revelar o sentimento cristão da época, no agrado a familiares e amigos.

Será isto mesmo resultante da época que se vive , do mundo cão de hoje, dos egoistas que preferem o viver para sí mesmo?

A jovem Ayna Guirra, inteligente e brilhante secretaria oriunda do Extremo Sul da Bahia, e que exerce suas atividades profissionais em Salvador, fez uma análise do comportamento dos jovens da atualidade que conhecem o Papai Noel mas desconhecem o significado do nascimento de Cristo, tudo porque lhes faltou, e falta ainda, uma orientação educacional apropriada.

Os sinos do Natal estão a dizer que a vida renasce, que se pode viver com harmonia e amor, a qualquer tempo, e, ainda mais, num Ano Novo de Renovadas Esperanças.

 

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui