Mobilização contra o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

“Faça bonito, denuncie” sob esse tema, a Secretaria de Assistência Social de Teixeira de Freitas/BA, por meio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e em parceria com a Comissão de Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, estão realizando ações de educação, reflexão e conscientização da sociedade em repúdio aos abusos e explorações sexuais que muitas crianças sofrem no município.

Em 30 de abril, foi realizado um seminário, neste domingo, 16 de maio, houve show e apresentação cultural na Praça da Bíblia e na próxima terça-feira, 18, haverá uma passeata pelas principais ruas e avenidas da cidade. Essas mobilizações são alusivas ao dia 18 de maio – Dia Nacional de Luta contra o Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Em Teixeira de Freitas, a Comissão de Enfrentamento é formada por representantes da sociedade civil, incluindo igrejas e entidades do município, como Secretarias, Ministério Público, Juizado da Infância e Juventude, Polícias Civil e Militar, Conselho Estadual dos Direitos da Criança e Adolescente (Condeca) entre outros. Essa comissão é responsável por mobilizar a sociedade junto ao CREAS e focar em meios de combater o problema.

(Foto: Sulbahia News)O CREAS de Teixeira de Freitas costuma realizar ações neste sentido três vezes ao ano, sendo uma em dezembro, uma em maio e outra na metade do ano. Neste domingo, o Show da Banda Sapato Velho, na Praça da Bíblia, propiciou a disseminação das informações. A comunidade ainda pode conhecer o trabalho desenvolvido pelo Centro de Inclusão Social do Bairro Liberdade (CIS), por meio de apresentações culturais feitas por adolescentes participantes do Centro.

Segundo a coordenadora do CREAS em Teixeira de Freitas, Quitéria Rodrigues Costa, entre janeiro e abril de 2010 foram denunciados 46 novos casos, só no município, um número que deixa o CREAS com grande demanda. “Às vezes nos questionamos se são os casos que estão aumentando, ou se são as pessoas que estão denunciando mais”, diz Permíndio Filho, presidente do CONDECA Teixeira de Freitas.

Permíndio complementa dizendo que as denúncias são muito importantes, mas que tão importante quanto denunciar é ter mecanismos para responder a essas situações, “a Cláudia tem feito um belíssimo trabalho quanto a isso à frente da pasta”, falou ele em relação ao trabalho da secretária de Assistência Social do município, Cláudia Pereira.

O Governo Federal disponibiliza importantes canais de denúncia, como o disque 100 e agora mais recente e ainda em fase de implantação o Portal Cipia, pelo endereço eletrônico www.cipia.org.br. Tanto o Condeca, quanto o Ministério Público e juízes terão senhas para verificarem as denúncias e os trabalhos feitos acerca de cada caso, além disso, o próprio denunciante poderá verificar o andamento dado às denúncias.

Dia 18 de maio

O Dia Nacional de Luta contra o Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, 18 de maio, foi criado em 1998, quando cerca de 80 entidades públicas e privadas, reuniram-se na Bahia para o 1º Encontro do Ecpat no Brasil. Organizado pelo CEDECA/BA, representante oficial da organização internacional que luta pelo fim da exploração sexual e comercial de crianças, pornografia e tráfico para fins sexuais, surgida na Tailândia. Foi nesse encontro que surgiu a idéia de criação de um Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infanto-Juvenil.

Desde então, a sociedade civil em Defesa dos Direitos das Crianças e Adolescentes promovem atividades em todo o país para conscientizar a sociedade e as autoridades sobre a gravidade da violência sexual.

 

Fonte: Michele Ribeiro / Sulbahia News

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui