Mar avança, derruba novas árvores e invade casas em Belmonte, no extremo sul da Bahia

 

Ninguém ficou desabrigado. Cidade teve estado de emergência decretado pelo governo em setembro, por conta de erosão costeira.

Um poste e várias árvores foram derrubados pela força da água do mar nesta segunda-feira (9), em Belmonte, no extremo sul baiano. O incidente foi por conta da erosão costeira, que continua a causar estragos no litoral da cidade.

Durante a madrugada, o nível do mar subiu e invadiu uma das praças. No local, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente colocou máquinas de obras para retirar a areia. Algumas casas foram atingidas pela água, mas ninguém ficou desabrigado.

Uma das avenidas que sofreram com os efeitos da erosão,  ficou ainda mais afetada.

Uma barreira com sacos de areia, que foi instalada pela secretaria, no mês passado, foi completamente avançada pelo mar, que destruiu uma nova parte da Beira Mar.

Erosão

A erosão em Belmonte tem sido registrada há mais de um ano. Por conta do volume de chuvas em Belmonte, o mar tem avançado pela cidade e destruído ruas e avenidas no local. No final do mês passado, o governo da Bahia reconheceu situação de emergência do município.

A destruição afasta os turistas e banhistas e, por conta disso, comerciantes sofrem com prejuízos. Várias cabanas e árvores também já foram derrubadas por causa da maré. A areia já tomou conta de um dos principais pontos turísticos da cidade, a Praça do Mar Moreno.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui