Lideranças religiosas vão combater boatos contra Dilma

Foto: Google
O senador eleito Walter Pinheiro (PT-BA) afirmou que o encontro com lideranças religiosas, na manhã desta quarta-feira (13) em Brasília, serviu para ratificar o apoio do segmento à candidata Dilma Rousseff e à continuação das políticas públicas que melhoraram a vida da maioria da população brasileira. “A reunião trouxe as questões próprias – o que é legítimo para qualquer setor num encontro dessa natureza – mas foi o momento de assumir o compromisso de combater os boatos contra nossa campanha e, ao mesmo tempo, reafirmar que o importante é Dilma dar seguimento às políticas do Governo Lula que olharam mais para os que mais precisam”, afirmou Pinheiro.
O petista lembrou que o presidente Lula enfrentou, em 2003, boatos similares. “Lula ia fechar as igrejas, espalharam. E foi justamente com a chegada de Lula que foi garantida a liberdade de culto religioso no Brasil”, disse em referência à Lei Nº 10.825, que alterou o Código Civil. “Dilma não é candidata à pastora, é candidata à presidente do Brasil; o seu compromisso é com o avanço dessas políticas públicas para todos os brasileiros, independente da opção religiosa de cada cidadão”, concluiu.

Pinheiro permanece em Brasília, onde cumpre tarefas do mandato de deputado federal.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui