Itapetinga: Seminário marca encerramento das atividades dos 16 Dias de Ativismo

Aconteceu na tarde desta quinta-feira, 8, o I Seminário sobre Violência contra a Mulher, Lei Maria da Penha e Direitos Humanos, no encerramento dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher, desenvolvido pelo CRM – Centro de Referência da Mulher.

O encontro realizado no colégio Batista e contou com a participação da sociedade. Entre outras pessoas também estiveram presentes o promotor de Justiça José Junseira; a delegada Rosilene Correia, da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher de Vitória da Conquista; a vereadora Zenaide Novais e da primeira-dama do Município, Cida Moura.

O Seminário tem a finalidade de fazer uma abordagem sobre a problemática que envolve essas questões, bem como sensibilizar a sociedade sobre os direitos inerentes a toda pessoa humana e teve como objetivos: fortalecer a Rede de Proteção à Mulher em situação de violência do Município de Itapetinga; rticular os serviços de atendimento à mulher existentes no Município para otimizar recursos e ações conjuntas; contribuir para a capacitação dos profissionais do Centro de Referência da Mulher e os membros das instituições e ou serviços integrantes da Rede de Proteção à Mulher em Situação de Violência, além de prestar informações e esclarecimentos acerca da temática que envolve o seminário a todos os participantes.

Celma Rodrigues, coordenadora do CRM em Itapetinga, lembrou que o CRM completa um ano em nossa cidade.“Temos um saldo hoje bem positivo. A violência contra a mulher tem aumentado assustadoramente e através das debates, ouvindo a população é que podemos buscar soluções para combater este tipo de violência, a sociedade tem respondido a todos os chamados do CRM, que completa no dia 10 deste mês 1 ano de implantação em nossa cidade’, destacou.

No final do Seminário foi servido um coquetel e houve também musical da Fundação de Coral Canto das Artes.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui