Itamaraju: Precariedade de ônibus envolvido em acidente assusta perito

Os exames periciais foram feitos no ônibus da Viação Itamaraju na manhã de terça-feira, 10 de julho. Os trabalhos foram comandados pelo perito criminal Marco Antônio, da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia Técnica de Teixeira de Freitas, com auxílio de um profissional especializado da área de mecânica.

O veículo vistoriado foi ônibus da Viação Itamaraju, que provocou um trágico acidente no dia 5 de julho.

Para o perito Marco Antônio, o motorista foi surpreendido com o comprometimento total do freio. Quando o ônibus começou ganhar velocidade, o motorista teria tentado poupar o veículo. “Ele não manteve o ônibus reduzido, o que prejudicaria o motor e caixa de marcha. Mas, logo depois, ao perceber que não iria contar com as condições mínimas, o motorista tentou engatar a marchar para reduzir através do motor, porém o carro a diesel não aceita esse tipo de comando estando em alta velocidade”, explicou o perito.

O perito também acredita que o motorista usou toda sua exp

eriência e habilidade e evitou uma tragédia maior. O laudo pericial tem o prazo de conclusão de até 30 dias, mas segundo Marco Antônio, todo o material deve ficar pronto antes do prazo. Ele destaca que se os demais ônibus da Viação Itamaraju estiverem na mesma condição, a população itamarajuense corre risco eminente de morte.

O acidente está sendo investigado pela Polícia Civil de Itamaraju.

PRF inspeciona empresa

No dia 8 de julho, durante uma inspeção na empresa, a Polícia Rodoviária Federal apreendeu dois ônibus da Viação Itamaraju, após a descoberta de várias irregularidades, entre elas, a documentação, extintores vencidos e tacógrafos com problemas.

O acidente

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O dia 5 de julho, um ônibus da Viação Itamaraju provocou um trágico acidente após perder totalmente o freio na descida da Ladeira do Canequinho, que dá acesso à cidade baixa no município de Itamaraju.

Depois que o veículo perdeu o freio, o motorista, Raulito Oliveira Santos, de 55 anos, que era um dos mais antigos da empresa, ainda conseguiu desviar de vários veículos. Porém, já no final da ladeira, atingiu dois carros, uma motocicleta e bateu em um poste cortando o fornecimento de energia elétrica na localidade.

O ônibus transitava com 40 passageiros, 36 pessoas ficaram feridas, três delas foram transferidas em estado grave para Teixeira de Freitas. O motorista morreu.

De acordo com os passageiros o motorista chegou a comentar a falta de freio quando um passageiro teria dado sinal de parada em um dos pontos.

 

 

Fonte: Uinderlei Guimarães/Sulbahianews

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui