Itabuna: Santa Casa tem dívida de R$ 11 mi

Rede de hospitais pode deixar de prestar serviços em Itabuna, sul do Bahia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A Santa Casa de Misericórdia, em Itabuna, no sul da Bahia, pode deixar de prestar serviços por conta de uma crise financeira. Segundo a administração, a instituição tem dívida de mais de R$ 11 milhões e, desde novembro de 2013, a prefeitura reduziu em 20% o repasse mensal de verbas.

“Isso tem repercutido negativamente no caixa da instituição, fazendo com que ela atrase serviços de profissionais médicos, seus fornecedores e alguns impostos”, relata Almir Alexandrino, provedor da Santa Casa de Misericórdia.

A Santa Casa de Misericórdia é formada por três hospitais considerados referência em atendimentos de média e alta complexidade. As unidades atendem a pacientes de mais de 100 municípios do sul e extremo sul da Bahia. Cerca de 75% dos usuários são do Sistema Único de Saúde (SUS), o que corresponde a 60 mil atendimentos por mês.

A instituição conta com cerca de dois mil funcionários. Com a crise financeira, nos últimos três meses, 70 trabalhadores foram dispensados. “Muitos colegas estão deixando a instituição, se afastando, e gerando sobrecarga para os outros que ficam. Nós estamos chegando ao colapso e alguns serviços, possivelmente, serão descontinuados”, lamenta Tarcyo Bonfim, chefe do Departamento Clínico.

A Prefeitura de Itabuna informou que analisa o pedido da Santa Casa de Misericórdia de assumir o pagamento das dívidas e que tenta com o governo a readequação dos valores repassados para os procedimentos de saúde oferecidos pela rede municipal e os prestadores de serviços do SUS. A prefeitura afirma ainda que está comprometida em resolver os problemas financeiros da instituição.

 

 

 

Fonte: G1, com informações da TV Santa Cruz

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui