Itabuna: Deputada Ângela Sousa destaca papel social da escola municipal de trânsito

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A escola municipal de trânsito de Itabuna (EMTRAN) já é realidade e a partir de agora, com a inauguração realizada nesta terça-feira, passou a funcionar como Centro de Formação de Condutores, beneficiando pessoas mais carentes da cidade que atualmente não tem condições de tirar a primeira Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A escola faz parte de uma solicitação feita pela deputada estadual Ângela Sousa (PSD), pelo prefeito de Itabuna, Claudevane Leite, e pelo secretário de Transporte e Trânsito, Clodovil Soares, ao governo da Bahia, considerando os benefícios que esse equipamento vai trazer para as pessoas que mais precisam.

Para a deputada Ângela Sousa, a implantação dessa unidade da escola municipal de trânsito de Itabuna tem uma grande importância social, já que muitas pessoas de baixa renda precisam do documento da Carteira Nacional de Habilitação para conseguir empregos, mas diante da falta de condições financeiras, acabam perdendo oportunidades. “A escola pública de trânsito chega justamente para atender a essas pessoas carentes para inseri-las no mercado de trabalho. A ideia é levar esse serviço para muitos outros municípios baianos”, defendeu a parlamentar. Ângela Sousa informou ainda que apresentou a proposta de implantação da Escola de Trânsito para outros municípios, a exemplo de Ilhéus, mas que não houve interesse do governo municipal para que esse projeto fosse efetivado.

A inauguração da EMTRAN em Itabuna como Centro de Formação de Condutores só foi possível com a regularização dos documentos necessários e a uma série de negociações feitas com o Governo do Estado, por meio do Detran, que terminou por autorizar a concretização da escola para habilitação de motoristas que não podem pagar por um curso particular. O prefeito Claudevane Leite ressaltou a importância da EMTRAN para a população, especialmente aqueles que buscam um emprego. O prefeito de Itabuna acrescentou ainda que “é papel do governo levar oportunidades aos que mais precisam”.

O secretário de Transporte e Trânsito, Clodovil Soares, a deputada Ângela Sousa e o prefeito Claudevane Leite

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O secretário de Transportes e Trânsito Clodovil Soares, destacou a o esforço do prefeito Claudevane Leite e da deputada estadual Ângela Sousa para regularizar a unidade junto ao DETRAN e elogiou o desempenho da equipe da Settran para tornar realidade a Escola Municipal de Trânsito , que disponibiliza aulas para 60 pessoas, sendo 30 pela manhã e 30 à noite. Para se candidatar a uma das 60 vagas oferecidas em cada temporada de curso o interessado deve ter sempre estudado em escola pública e não ganhar mais que dois salários mínimos. A ENTRAM reserva 20% das vagas aos servidores municipais. Novas vagas serão abertas a partir de janeiro de 2015.

Confirmadas a seleção e a matrícula o aluno deve adquirir o laudo no DETRAN (R$ 100,00) e fazer o psicoteste (R$ 230,00). Serão 45 horas/aulas teóricas (média de três semanas) e após passar na prova teórica do DETRAN o aluno será encaminhado para 20 horas de aulas práticas. Três carros e quatro motos estão disponíveis para as aulas práticas, além de seis instrutores práticos e dois teóricos. As provas simuladas também serão gratuitas.

 

 

 

Fonte: Ascom da deputada Ângela Sousa

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui