Itabuna: Criança de 4 anos morre após carro da família bater em carreta

Acidente aconteceu na cidade de Itabuna, na manhã desta segunda (22). Segundo PRF, família saiu do RJ e iria passar o São João na Paraíba.

Uma menina de quatro anos morreu após o carro em que estava com a mãe e o pai colidir com uma carreta na BR-101, na cidade de Itabuna, região sul da Bahia, na manhã desta segunda-feira (22). Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a família tinha saído do Rio de Janeiro e estava a caminho da Paraíba, onde iria passa o São João.

O acidente aconteceu no km-489 da rodovia, por volta das 6h30. O pai da criança, que dirigia o carro, teria perdido o controle do veículo em um local conhecido como “Curva do Óleo”.

O automóvel invadiu contramão e colidiu com a carreta, que vinha no sentido oposto. A menina estava em uma cadeirinha, no banco traseiro do veículo.

Com o impacto, o som automotivo que estava na parte de trás do veículo da família foi projetado sobre a criança, que morreu no local. A mãe e o pai da menina, ambos de 36 anos, ficaram feridos e foram levados para o Hospital de Base de Itabuna. Não há informações sobre o estado de saúde deles.

“A pista estava molhada por causa da chuva. Na curva, ele [o motorista do carro de passeio] perdeu o controle do carro, que rodou e acabou se envolvendo no acidente”, afirmou ao G1 o inspetor Marcus Vinícius Rodrigues, chefe PRF na cidade.

Segundo a polícia, a carreta transportava uma carga de cimento e tinha saído da cidade de Campo Formoso com destino à Guanambi, no sudoeste do estado. O condutor, de 26 anos, não sofreu ferimentos. À PRF, ele disse que ainda tentou desviar do carro, mas não conseguiu evitar o acidente.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi ao local para atender as vítimas. Uma unidade do Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Itabuna foi acionada para fazer a remoção do corpo da menina.

O chefe da PRF da cidade disse que o trecho onde ocorreu o acidente é perigoso e faz um alerta aos motoristas. “É um trecho perigoso, ainda mais quando está com a pista molhada. Fica no meio da mata e chove constantemente. Além disso, é um trecho com muitas curvas sinuosas. É preciso tomar muito cuidado”, destacou.

G1 BA

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui