Ilhéus/Itabuna: II Festival Gourmet, uma festa gastronômica

Faltando poucos dias para a realização da Casacor Bahia-Ilhéus/Itabuna (entre 30 de outubro e 30 de novembro), os chefs de cuisine dos principais restaurantes que irão participar do evento, estão se movimentando para proporcionar aos visitantes de suas casas o melhor do seu trabalho. Um bom exemplo é o chef Marcos Henrique dos Santos Alves, com formação em gastronomia na UMESP e estágios em restaurantes na França, em São Paulo e no Ceará, e que aportou em Ilhéus no restaurante Maria Machadão.

Ele lembra que começou a carreira acidentalmente, como um hobby, cozinhando para a família e para os amigos até decidir pela profissionalização. Marcos acha que o mais importante em ser chef é manter a sua equipe motivada, contente, para que isso se reflita no trabalho e que os eventos se tornem momentos inesquecíveis.

Marcos Henrique aguarda os visitantes da Casacor no Maria Machadão (Foto: Clodoaldo Ribeiro)

Dedicação e sacrifícios

O chef Marcos diz ainda que o que lhe dá mais motivação são os pratos mais simples, que remetem aos bons momentos da vida e que transmitem o verdadeiro sabor da comida. Ele não acha que seja fundamental a visibilidade que os chefs estão tendo hoje em dia se essa exposição não estiver associada à competência, criatividade, conhecimento e a dedicação do profissional, fatores importantes para o seu sucesso.

Marcos Henrique Alves recomenda a quem está ingressando agora na profissão: “estude muito, saiba encontrar prazer no meio das dificuldades, pois essa área exige muita dedicação e sacrificios, pois às vezes abrimos mão de momentos com a família e amigos por causa do trabalho. E não se deixem levar

pelo modismo”, finaliza.

Festival Gourmet

No mesmo período da Casacor os participantes acordaram em praticar preços promocionais e iguais para recepcionar os visitantes em seus restaurantes: o almoço será R$39,90 e o jantar R$42,90. Além do Maria Machadão participam os restaurantes: Cancha do Gaúcho, Empório Bahia, Maróstica, Palace Bistrô e Tarik Gourmet.

Para o Festival o chef do Maria Machadão preparou um cardápio que vai ter como entrada uma cesta de Kani, como prato principal um salmão verão e como sobremesa um harumaki de banana.

 

 

Fonte: Ramiro Aquino/Ascom da Cidadelle

Marcos Henrique aguarda os visitantes da Casacor no Maria Machadão (Clodoaldo Ribeiro)

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui