Ilhéus: Pronatec oferece 400 vagas para cursos profissionalizantes

As vagas são para agente de alimentação escolar, assistente de planejamento e controle de produção e de operação de logística portuária, auxiliar de fiscalização ambiental e administrativo, camareira, desenhista da construção civil, fotógrafo, inglês e espanhol aplicado ao turismo e operador de micro.

O Instituto Federal da Bahia (IFBA) e o ProgramaNacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), em parceria com a Prefeitura de Ilhéus, através das secretarias municipais de Desenvolvimento Social (SDS) e Educação (Seduc), oferecem novas 400 vagas para 11 cursos profissionalizantes. As inscrições ocorrem na sede da SDS, na Rua Vereador Mário Alfredo, s/n.

Os cidadãos que quiserem se matricular em uma das áreas e já são cadastrados no programa, devem se dirigir à secretaria atéesta terça-feira, dia 3, com o comprovante de inscrição e documentos de identificação. Já quem fará o cadastro pela primeira vez deverá comparecer à sede do órgão nas próximas quarta, quinta e sexta-feira, dias 4, 5 e 6, munidos com documentos de identidade.

Após o cadastramento na SDS, o candidato deve procurar a equipe do Pronatec, no Instituto Municipal de Ensino Eusínio Lavigne (IME-Centro), no período da noite, a partir desde terça-feira, dia 3, para confirmar a inscrição, portando os seguintes documentos: CPF, Registro Geral (identidade) e os comprovantes de residência e de escolaridade. As aulas estão previstas para iniciar no próximodia 30 e se estendem até o mês de dezembro, nos períodos vespertino e noturno, no IME e no campus do IFBA-Ilhéus, Rodovia Ilhéus –Itabuna, KM 13.

Há vagas para os cursos de agente de alimentação escolar, assistente de planejamento e controle de produção, assistente de operação de logística portuária, auxiliar de fiscalização ambiental, auxiliar administrativo, camareira em meios de hospedagem, desenhista da construção civil, fotógrafo, espanhol aplicado a serviços turísticos, operador de computador e inglês aplicado a serviços turísticos.

O secretário de Desenvolvimento Social, Jamil Ocké,ressalta que para participação nos cursos é importante que o candidato tenha comprometimento, assiduidade, pontualidade bem como responsabilidade para o cumprimento das atividades e avaliações relacionadas.“Os cursos do Pronatec garantem o conhecimento técnico ao aluno para que estes tenham reais oportunidades de competir no mercado de trabalho”, observa Ocké.

Qualificação

Os cursos de formação inicial e continuada e qualificação profissional são alicerces para os estudantes e pessoas que estão fora do mercado de trabalho têm para se qualificar e lutar por um emprego. O programa que foi instituído pela Lei Federal 12.513/11 visa oferecer oito milhões de vagas, com prioridade, para estudantes de ensino médio da rede pública, trabalhadores e beneficiários de programas federais além de incluir famílias de baixa renda, pessoas inscritas no Sistema Nacional de Emprego (SINE) ou que estão em situação de Seguro-Desemprego.

 

 

 

Fonte: Ascom da prefeitura

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui