Ilhéus: Projeto Verão Cênico trás a Ilhéus o espetáculo “A Conferencia”

O espetáculo transita pela performance art e happening com a proposta de intervenção em sala teatral ou espaço alternativo.

Chega a Ilhéus o espetáculo “A conferencia” com estreia às 19 horas, desta quinta-feira, dia 27, na Tenda Teatro Popular de Ilhéus, produzido pelo OCO Teatro Laboratório, para o projeto Verão Cênico, que tem o apoio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult). O espetáculo com duração de uma hora e quinze minutos, está previsto para ficar no município até o próximo dia 30, e transita pela performance art e happening com a proposta de intervenção em sala teatral ou espaço alternativo. A estimativa de público é de cerca de 200 pessoas por apresentação. Os ingressos custam R$ 10,00 (inteira) com idade mínima de 16 anos.

A Conferência discute estruturas sociais, incluindo as relações de poder, migração e política com uma pitada de bom humor e paródia dos momentos atuais do Brasil e do mundo. Mostra também o caos urbano e o viver fragmentado que habitamos através do bombardeio de informações, a poluição visual e sonora, o consumo exacerbado e o discorrer nonsense que nos movimenta. A perda de valores não somente monetários, mas também de conceitos e posturas daqueles que administram as nossas cidades.

Estão presentes no elenco os atores, Rafael Magalhães, Margarida, Giovana Cesar Alves e Andrea Mota, com figurino de Zuarte Jr, e produção de Rafael Magalhães e Renata Berenstein. Texto de Paulo Atto e Luis Alonso com direção de Luis Alonso.

OCO Teatro Laboratório – o OCO Teatro Laboratório é um grupo de teatro que surge no ano 2006 com a finalidade de procurar novas formas de expressão nas artes em geral. Transita por espaços liminares onde se confundem as manifestações artísticas. Com princípios de trabalho com a presença do ator e a não representação, o oco teatro tem pontes em grupos de importante trajetória, com dois integrantes como membros permanentes do grupo internacional Ponte dos Ventos (Vindenes Bro) , sediado na Dinamarca, com 22 anos de existência, dirigido por Iben Nagel Rasmussen, atriz do Odin Teatret. Organiza o FilteBahia – Festival Latino-Americano de Teatro da Bahia, tem publicado 6 volumes da Coleção Dramaturgia Latino-Americana e da Coleção Teoria Teatral Latino-Americana. Edita e Publica a Revista Boca de Cena e organiza o Nortea-Núcleo de Laboratórios Teatrais do Nordeste.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social – Secom Ilhéus


 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui