Ilhéus: Festival Gastronômico da Mata ao Mar vai movimentar Ilhéus no mês de junho

A

ideia é que o evento ocorra durante 10 dias, incluindo bares e restaurantes locais. Conforme o projeto, haverá dois circuitos: o da Passarela do Álcool e o da Avenida Lomanto Júnior, que contarão com diversas atrações.

O Festival Gastronômico da Mata ao Mar, uma das iniciativas do Projeto Pontal Criativo, foi tema mais uma vez de uma grande reunião que contou com a presença de representantes de diversos segmentos locais, na Pousada do Morro, na Rua Nova Brasília, na noite da segunda-feira, dia 10. A ideia é que o evento ocorra durante 10 dias do próximo mês de junho, em todos os bares e restaurantes locais que decidirem participar. Conforme o projeto, haverá dois circuitos: o da Passarela do Álcool e o da Avenida Lomanto Júnior, que contarão com diversas atrações, a exemplo de apresentações culturais, cozinha-show e concurso do melhor prato.

Além de diversos comerciantes do Bairro do Pontal, estavam na no encontro a coordenadora regional do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o secretário municipal de Turismo, Alcides Kruschewsky, o ex-vice-prefeito do município e representante do Movimento Pontalense de Cidadania, Henrique Abobreira. Também participou das discussões, a presidente do Instituto Nossa Ilhéus, Socorro Mendonça, e a representante da Casa da Cultura Popular (Casar), Janete Lainha.

Para Claudiana Figueiredo, a proposta aprovada durante a reunião representa um projeto que ultrapasse os limites de um simples evento. “Decidimos que o Festival vai trabalhar, ainda, a questão da requalificação dos empreendimentos gastronômicos do bairro do Pontal. Isso significa dizer que vamos elaborar um plano de melhoria para cada estabelecimento participante, incluindo as áreas de gestão, tecnologia e acesso ao mercado. Estruturando melhor esses empreendimentos, estaremos fortalecendo a economia local, realidade essencial para a geração de emprego e renda”, concluiu.

No final de sua exposição, a coordenadora regional do Sebrae lembrou que o conceito amplo de gastronomia não abrange apenas a bebida e a culinária, mas, também, os diversos aspectos culturais associados. “O visitante não se sente atraído somente pela degustação, mas, da mesma forma, pela história do prato”, disse.

Pontal Criativo – O Projeto Pontal Criativo contempla diversas outras iniciativas, como a reforma completa da Praça São João Batista, o resgate do Clube Social do Pontal e a Feira Integrada de Artes e Negócios. Segundo Claudiana Figueiredo, a concepção de ‘Bairro Criativo’ passa pela capacidade da população identificar seus problemas e encontrar soluções sempre ‘de forma criativa’. “Os conceitos de bairro criativo e de economia criativa apresentam o desenvolvimento econômico sustentável calcado no talento das pessoas, realidade que, sem dúvida alguma, amplifica as inúmeras oportunidades de emprego e renda”, afirma a coordenadora.

Com apoio da Prefeitura de Ilhéus, através de suas diversas secretarias, e do Sebrae, que subsidia tecnicamente a iniciativa, o projeto está sendo realizado pela própria população local, em parceria com diversas entidades, como o Movimento Pontalense de Cidadania, a Associação de Moradores do Pontal (Amop), o Instituto Nossa Ilhéus e a Casa da Cultura Popular, entre outros.

 

Secretaria de Comunicação (Secom)

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui