Homem é preso em Teixeira com carros roubados, documentos falsos e várias placas veiculares

Policiais do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto) da 87ª CIPM de Teixeira de Freitas receberam uma denúncia anônima na sexta-feira, 12 de julho, de que uma residência estaria sendo usada para adulteração e clonagem de veículos.

Os militares se deslocaram até a rua Ângelo Bonadiman, no bairro Bonadiman, e abordaram Eleandro Jardilina Ferreira, de 36 anos, que estava em posse de dois veículos com restrição de roubo/furto, sendo que um deles, de modelo Honda Civic, de cor prata, estava com a clonagem da placa concluída, inclusive com o documento CLV de uso obrigatório, segundo a polícia, já com características de um Dublê, de veículo oriundo do município de Mucuri, fato que foi confirmado com proprietário.

O veículo (dublê) teria sido roubado/furtado no Espírito Santo, e a placa original seria PPY 4178. O segundo veículo era modelo Pick-Up Fiat/Strada, de cor prata, de PPV OC79, com restrição de roubo/furto, também no Espírito Santo, mas, ainda seria feita a clonagem. Havia ainda no local uma motocicleta modelo Honda/FAN 160, de cor vermelha, placa PKG 3185, sem restrição, sendo encontradas várias placas veiculares.

Ainda de acordo com a polícia, estas placas já estão cadastradas no Sistema de Identificação de Veículos Nacional, sendo apreendidos ainda: sete documentos de CLVs de diversos veículos; um recibo já preenchido de transferência veicular; dois rastreadores de veículos; um kit de etiqueta tipo adesivo para remuneração de vidros de veículos; uma sacola, vários cartões de chips para celulares já utilizados, e uma carteirinha de visitante do Conjunto Penal (presídio) em nome do Eleandro.

Ele foi conduzido, junto com os veículos e os materiais apreendidos, para a Delegacia de Polícia, onde foi apresentado para delegada plantonista Andressa Carvalho, que o flagranteou por receptação, uso de documento falso e adulteração de identificador veicular, sendo encaminhado para carceragem, onde se encontra à disposição da Justiça.

O caso será investigado pelo delegado titular, Ricardo Amaral.

Fonte: Liberdadenews

1 COMENTÁRIO

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui