‘Grupo Heineken segue operando e gerando emprego na Bahia’, afirma SDE

‘Grupo Heineken segue operando e gerando emprego na Bahia’, afirma SDE. Foto Divulgação

Com cerca de R$ 143 milhões em investimentos e mais de 1,6 mil empregos gerados, a unidade fabril do Grupo Heineken em Alagoinhas segue operando normalmente. A informação é da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado (SDE), que monitora os empreendimentos implantados na Bahia e incentivados pelo Governo do Estado. A pasta afirmou, nesta quarta-feira (19), que o processo judicial noticiado por parte da imprensa não representa qualquer risco de fechamento da cervejaria.

A SDE informou ainda que a marca fez uma recente ampliação de sua produção industrial no estado e que, em contato com o Grupo Heineken, foi comunicada que a planta é muito importante e que não há interesse algum em fechar a unidade baiana.

O setor de bebidas é de grande relevância para a economia e o desenvolvimento da Bahia, além de ser um grande gerador de empregos. De acordo com a SDE, em contrapartida, o Estado oferece vantagens ao setor, como a proximidade com o mercado consumidor, disponibilidade de logística para escoamento da produção, cadeia produtiva com grande oferta de matérias-primas e facilidade de transformar e processar produtos.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui