Fiscalização apreende equino vítima de maus-tratos em Porto Seguro

Fiscalização apreende equino vítima de maus tratos. Foto Ascom

Durante uma ação de fiscalização realizada pela Prefeitura de Porto Seguro, dia 25 de abril, às 11h55, em Arraial d´Ajuda, foi apreendido um equino, que segundo denúncias da comunidade, estava sofrendo exploração e maus tratos.

A denúncia foi comprovada in loco, na residência do infrator, pela Secretaria de Meio Ambiente e Secretaria de Saúde de Porto Seguro, através do CCZ (Centro de Controle de Vigilância de Zoonoses).

De acordo com o Auto de Infração lavrado pelos fiscais, “o espaço é muito reduzido e insalubre para abrigar o animal, repleto de fezes, sem água e alimentação”. Além disso, o equino se encontrava com ferimentos nas patas e no corpo. O veterinário do Centro de Zoonoses identificou a necessidade de transportar o cavalo para o CCZ e constatou ainda que os cães também não se encontravam em bom estado de saúde.

A ação foi em atendimento a um abaixo-assinado encaminhado por integrantes da ONG Anjos d´Ajuda e outros membros da comunidade, denunciando a atitude do cidadão e solicitando providências jurídicas e administrativas. Segundo o documento, “em total descompasso com os preceitos legais, morais e sociais que norteiam a sociedade moderna, ele se valia da exploração e maus tratos aos animais para obter ganhos financeiros ilicitamente”.

Segundo os moradores, o referido cidadão utilizava o cavalo e o cachorro para fazer apresentações diárias e ininterruptas, das 8 às 23h nas praias e vias públicas, sob o sol escaldante, e sem os devidos cuidados. O infrator assinou o Auto de Infração e foi orientado pelos técnicos sobre o tratamento adequado a ser dedicado aos animais.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui