Filhos de Mucuri voltam a nascer no município; Clínica de Especialidades já funciona em Itabatã

Filhos de Mucuri voltam a nascer no município; Clínica de Especialidades já funciona em Itabatã. Foto: Ilustrativa

Após anos tendo que levar gestantes para o processo de parto em outros municípios, inclusive no Espírito Santo, a partir desta última semana o município de Mucuri voltou a realizar os procedimentos.

Um convênio entre a Prefeitura Municipal e o Hospital São José possibilitou o retorno da maternidade ao município de Mucuri.

Também nesta semana o prefeito Roberto Figueiredo Costa ‘Robertinho’ (DEM), confirmou a conclusão da reforma e adequação da Clínica de Especialidades, localizada no distrito de Itabatã, que agora funciona com cinco consultórios equipados com novos móveis e equipamentos, inclusive aparelho de ar-condicionado. “Com a reforma o espaço ganhou cinco novos consultórios que estão sendo usados pelos médicos especialistas, atendendo nossos munícipes de maneira digna e respeitosa”, informa o secretário de Saúde, Fernando Jardim.

Para que a Clínica de Especialidades voltasse a funcionar, ainda segundo Jardim, o prefeito Robertinho autorizou a contratação de médicos e outros profissionais de saúde, que estão ofertando à população especialidades que antes não existiam. “Entre os serviços ofertados, estamos oferendo aos mucurienses o serviço de psicologia, dentre outros”, informa.

“Neste mês de março, após um novo convênio com o Hospital São José, começou a funcionar em Mucuri, para nossa alegria, uma maternidade completa. Agora os filhos de Mucuri nascem no nosso município”, acrescenta o prefeito Robertinho.

Convênio

Uma reunião no dia 9 de janeiro, com representantes da Prefeitura de Mucuri e do Hospital São José, que fica em Itabatã e é gerido pela Cáritas Diocesana, deu início ao plano de viabilização para celebração do novo contrato para criação da tão sonhada maternidade pública municipal.

O HSJ vinha tendo anteriormente, o repasse em torno de R$ 3 milhões por ano, valor que inviabilizava o funcionamento da unidade materno-infantil. “O valor foi reajustado para em torno de R$ 5 milhões e esse novo aporte viabilizou o retorno de ginecologia, incluindo o serviço de partos”, completa o secretário Fernando Jardim.

Repasse

No último dia 22 de fevereiro, a Secretaria de Saúde de Mucuri confirmou o pagamento dos novos valores ao Hospital São José, unidade administrada pela Cáritas Diocesana, que é uma ação social da Igreja Católica da Diocese de Teixeira de Freitas/Caravelas. Na data foi pago ao Hospital São José (HSJ) o valor de R$ R$ 381.313,14, relacionado ao convênio entre o município de Mucuri e à Cáritas Diocesana, sendo que no mesmo mês já tinham sido transferidos à unidade de saúde R$ R$ 106.752,56 provenientes do repasse do Sistema Único de Saúde (SUS). “No total realizamos o pagamento de R$ 486 mil ao Hospital São José, unidade de saúde extremamente importante para o nosso município. Repasses feitos em dia, o que é mais um compromisso assumido e cumprido por nosso governo, comemorou na época o prefeito Roberto Figueiredo.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui