Fazenda de Geddel Vieira Lima foi invadida por 25 homens armados

O grupo fez funcionários de reféns em propriedade que, segundo a polícia, pertence ao ex-ministro e ao irmão, o deputado Lúcio Vieira Lima, em Potiraguá, no sul do estado
Foto: Blog Políticos do Sul da Bahia

A fazenda Esmeralda que, segundo a Polícia Civil, pertence ao ex-ministro Geddel Vieira Lima e ao irmão dele, o deputado federal Lúcio Vieira Lima, foi invadida na madrugada deste sábado (23), por volta de 2h da manhã, no município de Potiraguá, sul da Bahia. Segundo o delegado Roberto Júnior, que é coordenador da 21ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin) de Itapetinga, onde houve o registro, foram cerca de 25 homens, armados com espingardas e outras armas longas.

Eles fizeram funcionários reféns e os liberaram pela manhã, assim que saíram do local. Ninguém ficou ferido. O grupo se identificou como sendo de indígenas. Um inquérito foi instaurado para investigar o caso. Se for confirmado que os invasores são índios, a Polícia Federal será a responsável pela investigação.

Geddel foi preso no último dia 8 de setembro após a Polícia Federal apreender R$ 51 milhões em dinheiro vivo num apartamento ligado a ele no bairro da Graça, em Salvador.

 

 

 

 

 

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui