#Fake: motorista do Samu não morreu por covid-19 em Teixeira

Mensagem falsa circula em grupos de WhatsApp

Fake News que tem se espalhado em grupos de WhatsApp. Imagem: Reprodução/Redes sociais

O print de uma publicação nas redes sociais tem se espalhado por grupos de WhatsApp da região.

Na imagem, a mensagem de luto pelo falecimento de um motorista do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que supostamente teria sido a primeira morte por covid-19 em Teixeira de Freitas. É Fake!

O que é fato?

Conforme apuração da Redação do jornal OSollo, [na foto] Adelson José da Silva, de 67 anos, esteve mesmo internado por duas semanas em uma UTI da cidade de Cubatão, em São Paulo.

Após se recuperar da covid-19, estava em processo de recuperação da doença, quando morreu devido a uma infecção bacteriana nos pulmões.

Segundo a filha do motorista, ele fazia parte do grupo de risco por ter diabetes. Mesmo assim, não foi dispensado de seu serviço e continuou integrando a equipe do Samu de Cubatão.

A filha também relatou ao G1 que Adelson, apesar de ter diabetes, não tinha problemas pulmonares. “Os pulmões dele eram perfeitos, mas a Covid-19 os destruíram“, conta.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui