Equipe Acolhe Vida faz retrospectiva anual positiva

Superintendência de Recursos Humanos da Secretaria de Administração idealizou a Equipe Acolhe Vida. Fotos Ascom Porto Seguro

Levando em consideração o alto índice de servidores afastados com problemas de saúde e a necessidade de oferecer uma escuta diferenciada e de humanizar o atendimento ao servidor público, a Superintendência de Recursos Humanos da Secretaria de Administração idealizou a Equipe Acolhe Vida, composta por assistente social, fonoaudióloga e terapeuta reikiana, médico do trabalho, psicóloga e técnica administrativa. “O objetivo é a visão integral do servidor público, sua valorização no ambiente de trabalho, além de proporcionar iniciativas para seu bem-estar, a fim de resultar em maior rendimento e qualidade no serviço prestado, aumentar a percepção de si e do mundo externo”, segundo a Secretária Adjunta de Administração, Janis Alves de Souza.

A equipe disponibiliza consultas com médico do trabalho, dentre outros

Atividades Desenvolvidas

A agenda 2017 contemplou ações com resultados positivos na saúde física e emocional dos servidores atendidos. Foram realizados acolhimentos e orientações individuais; visitas domiciliares e ao ambiente de trabalho, encaminhamentos de servidores e familiares para serviços da rede municipal e também para médico da equipe.

O foco de atuação foi, principalmente, os servidores das secretarias municipais de Educação e Saúde, por meio de grupos terapêuticos, oficinas, reuniões de equipe para discussão de casos, atendimentos multidisciplinares e terapia individual. Além da participação ativa em reuniões com a APLB (Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia).

Foram ministradas palestras para os servidores e apresentação de trabalho/artigo no Congresso Brasileiro de Política, Planejamento e Gestão em Saúde – Abrasco.

Saúde e terapia

Visando a qualidade de vida dos colaboradores, a equipe investiu na integração e diálogo a partir da constituição de oficinas terapêuticas desenvolvidas com agentes comunitários de saúde. Dentre as atividades realizadas constam as discussões de relatórios de readaptação funcional e o acompanhamento destes servidores, onde alguns casos necessitaram de acompanhamento individualizado com fonoaudióloga e terapia alternativa – Reiki.

A equipe disponibiliza consultas com médico do trabalho, como emissões de atestado de saúde ocupacional, exame admissional e demissional, avaliações quanto ao retorno ao ambiente de trabalho ou de necessidade de readaptação, inclusive encaminhamento para perícia ao INSS.

Práticas Integrativas

Para complementar os trabalhos foram implementadas as práticas integrativas e complementares em saúde – Reiki, que tem sido sucesso entre os servidores, onde esta terapia bio-energética apresenta benefícios no nível físico, emocional e mental, através de métodos simples de imposição de mãos em áreas específicas do corpo, sendo capaz de equilibrar e alinhar a energia, levando o corpo a caminhar naturalmente para um melhor estado de saúde.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui