Empresários de Belém da Economia da Experiência visitam Porto Seguro

blankA Costa do Descobrimento recebe nesta semana uma missão técnica composta por 16 empresários de Belém, do Projeto Economia da Experiência. São donos de hotéis, restaurantes e agências de viagem da capital paraense que chegaram ontem, 12, a Porto Seguro e ficam até domingo, 16, com o objetivo de conhecer o destino turístico e fazer intercâmbio com os empresários locais.

A missão tem uma programação puxada. Hoje, quinta-feira, eles visitarão a Reserva da Jaqueira, o Memorial do Descobrimento e a Cidade Histórica. O dia começa com os empresários preparando o próprio beiju de goma no Hotel Terra Mater e conhecendo outros sabores da região no Solar do Imperador.

A visita à Reserva da Jaqueira tem o objetivo de fazer com os visitantes experimentem a sensação de voltar às origens, comungando com a natureza na companhia dos índios pataxó. Tudo com direito a caminhada na mata, culinária tradicional, arremesso de arco e flecha e pintura corporal .

Para celebrar esse momento, os empresários vão participar do Awê, ritual de confraternização e agradecimento à Mãe Terra. No almoço, o famoso peixe na folha de patioba.

A exposição Memorial da Epopeia do Descobrimento mostra a aventura da expedição de Cabral em 1500 e a réplica em tamanho real da sua nau. Na Cidade Histórica, os visitantes vão conhecer as construções do século XVI ao som de tambores.

No Hotel Vale Verde a missão poderá apreciar pinturas de artistas locais e participar de uma degustação de produtos derivados do cacau.

Amanhã (sexta), os empresários paraenses vão conhecer a magia da Praia do Guaiú e se encantar com a famosa culinária de Maria Nilza. Depois eles seguem para Coroa Vermelha, local da primeiroa missa do Brasil e da maior aldeia indígena do sul da Bahia. A noite em Arraial d’Ajuda promete, com bom bate-papo, troca de ideias e de experiências.

Sábado é dia de visitar as praias de Mucugê e Pitinga, onde não faltarão molho de pimenta e dança afro. No domingo, a missão parte de volta para Belém, certamente com muitas histórias para contar.

Fonte: Débora Vicentini

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui