Em todas as coisas mesmo!

“Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.” (Romanos 8.28)

Eu gostaria que Paulo houvesse escrito este verso da seguinte forma: sabemos que Deus age de maneira que todas as coisas agradem aos que o amam, aos que foram chamados de acordo com o seu propósito! O que acha? Seria ótimo se em minha vida e em sua vida, Deus fosse agindo e mudando cada situação e acontecimento para que eles sempre nos agradassem! Mas… seria mesmo ótimo???

Pelo que sabemos de Deus, sobre seu amor por nós, se fosse ótimo, ele assim faria. A vontade de Deus e suas decisões a nosso respeito sempre serão motivadas por seu amor. Por isso as palavras do apóstolo, embora não expressem o que talvez mais gostássemos, expressa o melhor para nós. Deus age em todas as coisas para o bem dos que o amam, dos que são chamados segundo os seus propósitos.

Isso significa que todas as coisas, incluindo as desagradáveis, as dolorosas, incluindo as decepções e mesmo perdas, podem por fim produzir algo bom em nossa vida. O que é bom demais saber. O que nos acontece não precisa terminar em abandono de fé, ou num coração amargurado, ou na perda de sentido para vida. Temos um Deus que usa lixo para produzir vida, para produzir arte. O nosso Deus pode tirar vida da dor. Veja, Ele não gera dor para produzir vida. Ele usa as dores possíveis neste mundo para gerar vida em nossa existência.

Mas, porque não está sendo assim comigo? Talvez alguém pergunte. Bem, o verso diz que Deus age em todas as cosias para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito. Seria necessário um bom espaço para explorarmos a questão do amor de Deus e de sermos chamados segundo o seu propósito. Como não é o caso numa devocional, deixe-me apenas afirmar o seguinte significado para essa condição apontada pelo apóstolo.

Amar a Deus e ser chamado segundo o seu propósito significam, em última análise, vivemos crendo em seu amor e entregando a Ele a nossa vida. Isso de uma forma que experimentemos comunhão, possamos conhece-lo melhor e firmar nossa fé, não somente no que ele pode, mas sobretudo, em quem Ele é. Uma relação marcada pela presença do Espírito Santo, por nossa sensibilidade à Sua voz e submissão à sua vontade.
Nessas condições, diante da vida e de todas as coisas possíveis nela, Deus vai nos ajudando a lidar de forma certa, com cada uma. Vai nos fortalecendo, consolando e ensinando. E aí, em todas as coisas, experimentaremos o agir de Deus para o nosso bem. Algumas vezes será de forma miraculosa. Em outras, será resultado da maneira sábia como enfrentamos a luta.

Espero que não esteja enfrentando coisas ruins, dolorosas ou indesejáveis. Espero que esteja bem e sentindo-se seguro (a), amado (a) e feliz. Mas se não este for o caso, confie no amor eterno e incondicional de Deus. Busque a direção de Deus e o apoio de pessoas em quem confia. Talvez você não tenha a mínima ideia do que fazer. Mas Deus sempre sabe! E Ele sempre trabalha para o nosso bem.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui