Distritos e povoados de Mucuri recebem equipe do CTA para atendimentos na campanha Julho Amarelo

Distritos e povoados de Mucuri recebem equipe do CTA para atendimentos na campanha Julho Amarelo. Fotos: Ascom

Os mutirões de saúde têm dado retornos positivos ao bem-estar dos mucurienses, principalmente neste mês, com a campanha “Julho Amarelo”, com inclusão no atendimento ao público LGBTQIA+. O mês é todo dedicado pela Secretaria Municipal de Saúde de Mucuri aos trabalhos voltados à conscientização sobre as hepatites virais.

A OMS – Organização Mundial de Saúde nomeou, em 2010, o dia 28 de julho como o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais e, o Estado da Bahia, desde 2017, instituiu o mês de julho como “Julho Amarelo”. Razão pela qual, vem ocorrendo mutirões com a participação da equipe do CTA – Centro de Testagem e Aconselhamento da Secretaria Municipal de Saúde de Mucuri com a realização de testes rápidos para Casos de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), tuberculose ou hepatites.

“É dever de todos o acesso aos serviços de saúde e nossa equipe tem orgulho de realizar as ações diversas na prevenção da saúde pública em prol da nossa comunidade”, explica o secretário Municipal de Saúde, o farmacêutico bioquímico Fernando Jardim, que infelizmente, as hepatites ainda são um problema de saúde pública. “A hepatite B tem uma relação muito próxima com o câncer de fígado. Apesar de termos a vacina disponível na rede pública, a cobertura vacinal ainda pode ser aperfeiçoada”, alerta ele.

Na manhã desta última quinta-feira (22/07), na unidade básica da ESF-12, e no período da tarde na ESF-15, do bairro Triângulo Leal, no distrito de Itabatã, foram realizados os testes rápidos de HIV, sífilis, hepatite B e C. Além dos exames, a equipe ministrou palestras educativas com orientação quanto às formas de prevenção das doenças sexualmente transmissíveis.

De acordo com a enfermeira Sara Teles Jardim Ferreira, coordenadora do CTA – Centro de Testagem e Aconselhamento da Secretaria Municipal de Saúde de Mucuri, neste mês de luta contra as hepatites virais, a equipe orienta ações de combate à doença através de campanhas de prevenção, testagem e vacinação, tendo em vista que são estratégias efetivas para evitar ou minimizar o risco de adoecimento da população.

Na unidade da Estratégia Saúde da Família (ESF 08), a campanha contra hepatites virais contemplou a população do povoado de São Jorge, com a participação do cartão Mais Saúde e Laboratório Sabin, parceiros do mutirão.
Quase 70 testes rápidos de Hepatite B e C, Sífilis, HIV foram feitos, acompanhados de palestras, aferição de pressão arterial e Glicemia. Houve ainda a entrega de brindes, máscaras e lanches para todos que participaram deste momento no distrito de Ibiranhém.

A coordenadora do CTA, Sara Teles lembra que nem sempre a doença apresenta sintomas, mas quando aparecem, estes se manifestam na forma de cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras. Todos os momentos de atendimento do CTA são pensados e executados, respeitando todas as normas de distanciamento e proteção ao novo coronavírus.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui