Criança de dois anos morre engasgada com pedaço de carne

Foto: Radar64

Uma menina de dois anos morreu asfixiada, no início da tarde de terça-feira (15), em Mundo Novo, distrito de Eunápolis. Os pais relataram para a polícia que Hadassa Gomes Reis teria se engasgado com um pedaço de carne enquanto almoçava.

A mãe, a dona de casa Vanessa Gomes, 22 anos, ainda tentou tirar o alimento com os dedos, mas não conseguiu. Então, ela levou a filha até um posto de saúde na localidade.

Os profissionais que atuam na unidade também não conseguiram desobstruir as vias aéreas. Socorristas do Samu foram acionados e, quando chegaram ao local, que fica a 15 quilômetros do centro da cidade, conseguiram retirar o alimento, mas Hadassa já estava inconsciente. Os médicos fizeram várias manobras de reanimação, mas a criança não resistiu.

REVOLTA – Até por volta das 08h30 da manhã desta quarta-feira (16), o corpo estava sendo velado em uma igreja evangélica em Mundo Novo, sem ter sido submetido ao exame de autópsia. É que a Polícia Técnica ainda não havia ido ao local. Familiares e amigos estão revoltados porque acreditam que o velório pode ser interrompido para que o corpo seja removido para o Instituto Médico Legal.

O pai, Jeferson Reis, 29 anos, que trabalha em uma cerâmica, estava na delegacia esta manhã, cobrando previdências. “Só queremos, agora, enterrar nossa filha”, afirmou Jeferson, muito abatido com a tragédia. O casal tem outros dois filhos, de quatro e cinco anos.

Fonte: Radar 64

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui