CRF-BA e Sindifarma-BA realizam a 1ª Conferência Livre com tema voltado para o SUS

CRF-BA e Sindifarma-BA realizam a 1ª Conferência Livre com tema voltado para o SUS. Fotos: Ascom

O Conselho Regional de Farmácia do Estado da Bahia (CRF-BA) e Sindicato dos Farmacêuticos do Estado da Bahia (Sindifarma-BA) realizaram no sábado, 25 de maio, a 1ª Conferência Livre com o tema “Ciência, saúde e tecnologia na assistência farmacêutica”, evento preparatório para 16ª Conferência Nacional de Saúde.

A mesa de abertura

Participaram da mesa de abertura, o presidente do CRF-BA, dr. Mário Martinelli Júnior; a farmacêutica e deputada federal, dra. Alice Portugal; a diretora da Assistência Farmacêutica do Estado da Bahia, dra. Daniela Vitor; a diretora da Faculdade de Farmácia da UFBA, dra. Tânia Barros; a representante da Fiocruz, dra. Marilda de Souza Gonçalves; a representante do Sindifarma-BA, dra. Soraia Amorim; e também a farmacêutica e doutora em Saúde Pública dra. Silvana Nair Leite.

O presidente do CRF-BA, dr. Mário Martinelli Júnior, fez a abertura do evento e falou da importância do encontro que norteará a Conferência Nacional de Saúde. “É um evento de suma importância onde vamos debater a questão voltada ao profissional farmacêutico no âmbito do SUS, levar algumas pautas que serão discutidas hoje para a para a 16ª Conferência,  dentre elas a revogação da Emenda 95, o fortalecimento dos laboratórios oficiais, o fortalecimento do papel farmacêutico frente à assistência farmacêutica”.

O presidente da Federação Nacional dos Farmacêuticos, dr. Ronald Ferreira, foi um dos palestrantes. “Gostaria de parabenizar o Conselho e o Sindicato pela realização dessa conferência livre, como parte que integra a 16ª Conferência Nacional de Saúde. Discutir a Assistência Farmacêutica e o SUS é fundamental porque um não existe sem o outro”, ressalta.

Já a farmacêutica e deputada federal dra. Alice Portugal relembrou a luta da categoria e citou alguns desafios encontrados pelos farmacêuticos. “Nós temos que agarrar os espaços que conquistamos. A população procurar o farmacêutico e este profissional se fazer presente é uma grande mudança e conquista. Preciso ressaltar aqui também sobre o ataque frontal aos Conselhos Profissionais. Isso é sério e precisamos falar”, pontuou.

A representante da Comissão de Assistência Farmacêutica do CRF-BA, dra. Ana Patricia Dantas, falou sobre o compromisso que o ano de 2019 traz com as Conferências de Saúde: “O compromisso é da população em participar e dos gestores em executar as propostas seja no âmbito Municipal, Estadual ou Federal. Reunimos, neste evento, os profissionais farmacêuticos, estudantes, docentes e usuários do Sistema Único de Saúde com o objetivo de traçar propostas que garantam a continuidade da Assistência Farmacêutica, manutenção de recursos para as pesquisas e a incorporação de tecnologias”.

A programação do evento contou com a participação do farmacêutico e mestre em Saúde Pública pela UFBA, dr. Francisco Pacheco, que apresentou o tema “Consolidação dos Princípios do SUS”. “O tema fala sobre a garantia dos direitos do SUS com relação à manutenção dos seus princípios e a observação com relação ao processo de organização do Sistema de Saúde.  Vamos destacar hoje a relevância da manutenção tanto dos princípios doutrinários quanto dos organizacionais do SUS conforme consta na constituição brasileira e tentar resgatar esses desvios que vem ocorrendo.

O diretor executivo do Sindifarma-BA, Rodrigo Novaes Oliveira, falou da oportunidade que todos os participantes têm em presenciar o evento: “É possível aprendermos mais sobre o funcionamento do Sistema Único de Saúde, atenção básica, tecnologias de ponta que temos para o nosso trabalho, além de compartilhar experiências há bastante tempo”.

A conferência aconteceu no Hotel Portobello, em Salvador.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui