Corrupção

Ter dinheiro apenas para não ter as aflições da pobreza; poder somente para mandar um pouco, pelo menos, no nariz; e da felicidade um salário médio: tristezas que possam aguentar, remorsos que não doam demais, renúncias que não façam um velho amargo, mas a mente de todos nós tem fome de uma vida muito diferente e com mais conforto e opções. Por exemplo, o poder de ser governador de um estado como o Rio de Janeiro aumenta esta sede de crescimento e poder.

Uma pessoa é feita de muitas almas e várias ficam penando esperando a oportunidade para aparecer e se emaranhar na vida real, num emaranhado que pode ter muitos caminhos pode levar a alma a uma porta da corrupção, mas para não entrar é preciso ter caráter forte.

Ninguém deve acreditar que está sozinho, porque em cada um vive o sangue dos que o geraram, e é algo que anda para trás até a noite dos tempos. Assim somos apenas a curva de um rio, que vem de longe e não parará depois de nós. Então, como é que tem todas as respostas?

Há momentos em que não queremos acreditar na maldade dos homens, na sua loucura.
Quando tinha vinte anos, início da década de oitenta, na época eu tinha fé num futuro fácil e feliz, rico de desejos satisfeitos, de experiências e de conquistas.

Ainda não havia aprendido como a vida funcionava, como cada sonho era lentamente sufocado, como o certo e o errado ficavam mais abstratos e menos nítidos. Estas verdades em geral vinham à tona lá pelos 25 anos, quando a pessoa percebia que sua vida não era como ela desejava.

Aquele era o tempo melhor da minha vida, e só agora, que me escapou para sempre, só agora eu sei. Hoje o Brasil passou por dois impeachment, e muita corrupção. Tenho uma ideia do que aconteceu, fomos colonizados pelos português, que vieram para explorar e levar nossas riquezas, os Estados Unidos foram colonizados pelos ingleses, que permaneceram e criaram riquezas. No Brasil a índole dos que ficaram era duvidosa.

A vida é bem mais que palavras e histórias. A vida é lutar e sobreviver e a dificuldade é decidir de que forma.

*João é natural de Salvador, onde reside. Engenheiro civil e de segurança do trabalho, é perito da Justiça do Trabalho e Federal. Neste espaço, nos apresenta o mundo sob sua ótica. Acompanhe no site www.osollo.com.br.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui