Coronavírus: diferença entre transmissão local e comunitária

O Ministério da Saúde publicou portaria em março decretando o estado de transmissão comunitária do novo coronavírus (covid-19) em todo o Brasil. Com isso, as orientações para locais nessa modalidade de forma de disseminação do vírus passam a valer em todo o país.

Mas, você sabe a diferença entre transmissão local e comunitária?

Segundo o próprio órgão federal, a transmissão comunitária é uma modalidade de circulação na qual as autoridades de saúde não conseguem mais rastrear o primeiro paciente que originou as cadeias de infecção, ou quando esta já envolve mais de cinco gerações de pessoas.

Ela difere dos casos importados (quando uma pessoa adquire o vírus em viagens ao exterior) e da transmissão local (quando alguém é contaminado por contato com alguém infectado em outro país). As situações de transmissão comunitária significam que o vírus está mais disseminado, demandando cuidados mais efetivos.

Em Teixeira de Freitas, os últimos casos divulgados foram classificados como transmissão local. O caso informado nesta quinta-feira é uma pessoa jovem; mais detalhes do paciente não foram divulgados.

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui