Canavieiras ganha mais uma Academia de Artes Marciais

O professor de artes marciais Franklin Menezes inaugura em 6 de março próximo, em Canavieiras, a Academia Franklin Team de Jiu-Jitsu, ampliando a oferta de vagas na área esportiva. O novo empreendimento está localizado na travessa João de Sá Rodrigues, no centro da cidade, e dispõe de modernos equipamentos para a prática de esportes.

O professor Franklin Menezes é responsável pela realização do Projeto Construindo Campeões, que tem formado crianças, jovens e adultos nas mais diversas áreas das artes marciais. O trabalho desenvolvido pelo professor é dirigido – também – para as pessoas de baixa renda que residem nos bairros mais carentes da periferia de Canavieiras, com o apoio da Prefeitura.

Franklin Menezes pratica Jiu-jitsu há 18 anos, 10 dos quais atuando como professor em academias. Recentemente, Franklin se sagrou campeão no II Open Internacional de Jiu-jitsu, realizado no Colégio Isba, em Salvador. Ele competiu pela categoria peso-pesado, faixa preta, e já está classificado para o Campeonato Mundial de 2015, que deverá ser realizado em São Paulo.

Dentre os títulos conquistados pelo atleta Franklin Menezes estão os de Campeão Baiano (quatro vezes), Campeão do I Open Internacional, Vice-campeão Brasileiro e Campeão da Copa Coyote de Jiu-jitsu, este realizado na cidade de Vitória da Conquista. Atualmente, Franklin é um dos atletas baianos reconhecido em todo o Brasil como um dos melhores do ranking.

Franklin Menezes coordena os projetos mantidos pela Secretaria da Assistência Social, através do Centro de Referência de Assistência Social (Cras). São cerca de 200 jovens e adolescentes, de quatro a 14 anos, que participam de diversas atividades lúdicas e esportivas, a exemplo da Jiu-Jitsu, capoeira e futebol. Segundo o professor, a prática de esportes tem sido muito importante para a evolução das crianças, em Canavieiras.

Atualmente, as oficinas de esportes promovidas pela Secretaria da Assistência Social também passaram a ser desenvolvidas de forma itinerante nos bairros mais carentes. “Uma parte das oficinas é realizada na sede do Cras, enquanto outras estão sendo realizadas nos bairros, como uma das formas de incentivo à participação dos jovens e suas famílias”, informa Franklin.

Além dos projetos da Assistência Social, Franklin Menezes, também participa de outros programas sociais. Um deles é foi implantado na “Ilha do Gado”, com o apoio da Prefeitura uma das comunidades carentes da cidade. A atividade, segundo ele, é de importância fundamental na formação de caráter e os resultados têm sido gratificantes para os promotores e alunos.

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui