Canavieiras: Dia Mundial da Saúde Mental é comemorado

A Prefeitura De Canavieiras, por meio de sua secretaria da saúde, realizou na manhã da última sexta-feira, dia 10 de outubro, uma caminhada pelas ruas da cidade em comemoração ao Dia Mundial da Saúde Mental, organizada pelo Centro de Assistência Psicossocial (Caps), com a participação de profissionais da saúde, usuários dos serviços do Caps e familiares. O percurso teve início às 9 horas, com saída da Unidade de Saúde Dr. Talma Cajueiro, na Rua 13 (Octavio Mangabeira) e passou pelas principais ruas da cidade, até chegar à sede do Caps, na avenida São Francisco.

Segundo o coordenador do Caps, o enfermeiro Edval Júnior, a caminhada teve como finalidade sensibilizar a sociedade em geral para as questões da inclusão, bem como da consolidação de políticas públicas voltadas para a promoção e tratamento em saúde mental das pessoas com o sofrimento psíquico. “É preciso definir a reinserção social dos usuários na sociedade como uma política eficiente dentro da rede de atenção à saúde mental”, atenta.

Ao chegar à sede do Caps, os assistidos e participantes da caminhada realizaram uma série de atividades, como palestras e eventos lúdicos para comemorar a data. Na tarde da quinta-feira (9), os assistidos do Caps participaram de atividades sociais com o Projeto Mexa-se, recebendo os serviços de embelezamento (corte de cabelo e estética).

Para a secretária da Saúde, Roberta Barros, a mobilização social é fundamental para a continuidade do relevante trabalho que as entidades prestam aos que precisam desse tipo de serviço médico. “Saúde mental é estar bem consigo mesmo e com os outros, saber reconhecer os seus limites e pedir ajuda quando necessário. Todas as pessoas estão sujeitas a sofrerem algum grau de enfermidades consideradas como perturbadoras da “saúde mental” em algum momento de suas vidas. Por isso é importante que a nossa cidade e seus órgão competentes, assim como toda a sociedade, estejam preparados para apoiar essa causa. É nessa área em que o prefeito Almir Melo também não deixa de dedicar toda a sua atenção”, ressaltou.

Atualmente, o Caps de Canavieiras atende a cerca de 500 pacientes de forma extensiva e intensiva. As ações promovidas são supervisionadas pelo médico psiquiatra André Luiz, que conta com uma equipe multiprofissional constituída de enfermeiros, psicólogos, terapeutas ocupacionais, auxiliares de enfermagem e monitores. Além dos pacientes, a equipe trabalha com as famílias, no sentido promover uma inserção social nos dois sentidos.

(13-10-14 LL)

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui